R.B. 29/AGO/12 ‘’Carteirinha do fã clube do Brasil’’


R.B.

"Carteirinha do fã clube do Brasil"

 

São Paulo, 29 de agosto de 2012 (QUARTA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA deve seguir em alta, com ''boas chances'' de fechar o dia acima dos 59.000pts, diante (1) das ''apostas'' de corte de –0,5% na Selic na reunião do Copom que termina hoje, (2) da elevação do preço das commodities e da gradativa melhora do ''humor'' nas demais bolsas mundiais.

-    O DÓLAR pode subir, mesmo após fechar o pregão anterior no maior patamar desde 2/AGO/12, influenciado pela provável redução da taxa básica de juros, que tornará menos atraente a taxa real de juros da economia brasileira para atrair ''investimentos'' externos.

 

ONTEM

-    BOVESPA 0,5%, abriu em queda, para na mínima recuar –0,1%, porem logo passou a subir, em um movimento de recuperação após fechar os 3 últimos pregões no vermelho, com investidores mostrando um pouco mais de apetite por ações ligadas à economia doméstica enquanto crescem as ''apostas'' de que o ciclo de queda de juros no Brasil pode se estender até OUT/12.

-    DÓLAR 0,6% à R$ 2,04, já abriu em alta e manteve a trajetória ascendente ao longo de todo pregão, num movimento descolado do cenário externo, com investidores sob a expectativa de eventual rolagem, pelo BC, dos contratos de swap cambial que vencem no dia 3/SET/12.

-    Na ÁSIA, realizando uma pequena parte dos lucros recentes, JAPÃO –0,6%, CORÉIA –0,4% e CHINA –0,1%, diante da cautela do investidor antes do encontro de membros de BCs e economistas em Jackson Hole, nos EUA, que ocorrerá no final da semana e que pode sinalizar planos futuros de estímulo.

-    Na EUROPA, registrando as piores quedas diárias das últimas 5 sessões, INGLATERRA –0,1%, FRANÇA –0,9% e ALEMANHA –0,6%, em meio a preocupações sobre a economia global e a crise da dívida da zona do euro, com destaque negativo para o panorama sombrio na Espanha, após a divulgação de dados mostrarem que o país afundou ainda mais em recessão e que uma região economicamente importante da Catalunha precisa acessar fundos de Madri.

-    Nos EUA, sem uma tendência única, após mais um pregão com poucos negócios e pouca volatilidade, S&P –0,1%, DJ –0,2% e NASDAQ 0,1%, já que dados econômicos mistos deram a investidores motivos reduzidos para transferir o foco do discurso de sexta-feira de Bernanke, o presidente do Fed (''BC'' local).


Economia:
 

Hoje termina a reunião do Copom e, diante de um cenário de desaceleração da economia brasileira e de manutenção da crise financeira nos países do ''primeiro mundo'', mais de 85% do ''mercado aposta'' que o Copom vai reduzir a taxa básica de juros da economia brasileira em –0,5%, dos atuais 8% para 7,5%, o que aliás será novamente o menor patamar da história da Selic.

 

Mostrando sua ''carteirinha do fã clube do Brasil'', Bill Clinton, ex-presidente dos EUA, afirmou ontem que a economia brasileira tem as melhores perspectivas no longo prazo entre as potências econômicas emergentes, ressaltando que isto ocorre graças (1) a sua estrutura política estável, (2) aos amplos recursos naturais e (3) ao bom relacionamento com os vizinhos.

 

Podendo ajudar, e muito, no controle da inflação, (1) Dilma deve sancionar em breve uma medida provisória referente à desoneração de 22 alimentos que, segundo projeções da Associação Brasileira de Supermercados, causará uma redução de -6% no preço de venda da cesta básica e (2) a última versão do plano de redução do custo de energia elétrica, que deve ser anunciado em SET/12, prevê um corte médio de -20% nas contas das indústrias e de 10% nas dos consumidores domésticos.

 

''Apostando no Brasil'', ontem a Nokia Siemens Networks anunciou que vai abrir uma linha de montagem no País, junto com a fabricante Flextronics International, para construir a próxima geração de redes de telefonia móvel.

 

Seguros da ''boa vontade'' do governo Dilma, empresários do setor automotivo se reúnem hoje com representantes do Ministério da Fazenda para discutir a prorrogação do corte da alíquota do IPI para veículos por pelo menos mais 2 meses, alegando principalmente que várias fabricantes de caminhões e ônibus paralisaram a produção por períodos determinados em função da retração no mercado.

 

Como fruto da alta do dólar, que se aproxima de 9% neste ano, e da desaceleração da economia brasileira, o setor de importação de máquinas e equipamentos registrou queda de -20% nas vendas nos primeiros 7 meses do ano, na comparação com o mesmo período do ano passado.

 

-    A PDG subiu 4,6% e a Cyrela valorizou-se 3,6%, já que esses papéis tendem a se beneficiar da provável queda de juros no país.


Política:
 
A apenas 2 votos de ser condenado pelo Supremo Tribunal Federal, o deputado petista e candidato a prefeito de Osasco João Paulo Cunha é acusado de crimes que podem leva-lo à cadeia e sua condenação, provavelmente a 7 anos de prisão, pode ser sacramentada hoje.
 
Em recesso branco por causa da campanha eleitoral, o Senado Federal iniciou ontem uma semana de esforço concentrado para votar medidas provisórias que trancam a pauta.
 
As 2 primeiras missões da senadora petista Marta Suplicy, que prometeu ajudar na campanha de Haddad à Prefeitura de SP são (1) bombardear a candidatura do tucano Serra e (2) reconquistar redutos petistas da periferia "invadidos" por Celso Russomanno.

Crítica:
 
Dando sequência à guerra entre PT e PSDB, cujo vencedor se alterna mas cujo perdedor invariavelmente e certamente é o eleitor paulista, ontem a Prefeitura de SP quebrou um sigilo médico para divulgar dados do prontuário de um paciente do sistema público somente para expor um erro no programa eleitoral de TV do petista Haddad.

PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br

Conheça e indique nosso Blog http://relatoriobrasil.blogspot.com
Conheça e indique minha página no Facebook http://facebook.com/Alfredosequeirafilho

Nenhum comentário:

Postar um comentário