R.B. 13/AGO/12 ‘’Atrapalhar a festa’’


R.B.

"Atrapalhar a festa"

 

El Colorado, 13 de agosto de 2012 (SEGUNDA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA deve voltar a subir, rumo aos 60.000pts mesmo após avançar 3,5% na semana passada, influenciada (1) pela nova melhora do ''humor'' nas demais bolsas mundiais, (2) pela valorização das commodities e (3) pelas expectativas de novas medidas de estimulo econômico, tanto no Brasil como na Europa nos EUA e na China.

-    O DÓLAR pode seguir em queda, para ampliar a desvalorização acumulada no mês (-1,8%) e testar o ''suporte'' dos R$ 2,00 ainda esta semana, acompanhando a provável melhora do ''humor'' na Bovespa e ainda seguindo a trajetória internacional da moeda norte-americana.

 

SEXTA-FEIRA

-    BOVESPA 0,9% (aos 59.280pts), abriu em queda, para na mínima recuar –1,1%, porem passou a subir no início da parte da tarde, com resultados corporativos de empresas brasileiras impulsionando as ações e anulando os efeitos negativos de dados abaixo do esperado vindos da China.

-    DÓLAR –0,1% à R$ 2,01, já abriu em queda e, acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana, manteve-se em território negativo ao longo de todo pregão, para fechar o dia no menor patamar em 3 semanas, também beneficiado pelo bom desempenho da Bovespa.

-    Na ÁSIA, interrompendo uma sequencia de 4 pregões consecutivos de alta, JAPÃO –1,0%, CORÉIA –0,8% e CHINA –0,2%, após a China divulgar dados negativos de sua economia, como uma alta de apenas 1% em suas exportações em JUL/12 sobre JUL/11 e o recuo dos novos empréstimos para o menor patamar em 10 meses.

-    Na EUROPA, realizando lucros recentes, INGLATERRA –0,1%, FRANÇA –0,6% e ALEMANHA –0,3%, com baixo volume de negócios e destaques de queda para as exportadoras de commodities, diante da divulgação de dados negativos da China.

-    Nos EUA, em alta pelo sexto pregão consecutivo e fechando a quinta semana consecutiva de ganhos, S&P 0,2%, DJ 0,3% e NASDAQ 0,1%, porem também com baixo volume de negócios e com os investidores se mostrando relutantes em realizar manobras robustas.


Economia:
 

Segundo Mantega, ministro da Fazenda, o governo Federal prepara diversos incentivos à indústria para atenuar o impacto da crise global, que desacelerou a economia do país, e a primeira fase desse pacote será anunciada na próxima quarta-feira e incluirá uma expansão dos programas de investimentos em infraestrutura.

 

Ressaltando que ''não era uma marolinha'', Pedro Malan, ex-ministro da Fazenda de FHC, ''avisou'' que, passados 5 anos do seu início, já ficou claro que a crise internacional é grave e levará muitos anos para ficar para trás, atingindo países emergentes e trazendo o risco de afetar o crescimento potencial de longo prazo de diversos países.

 

Por conta da crise financeira mundial, apenas nos últimos 2 meses pelo menos US$ 95bi em investimentos no Brasil foram suspensos ou tiveram seus cronogramas de entrada em operação postergados, principalmente nos setores de petróleo e de siderurgia.

 

Os EUA terá este ano a pior seca em décadas, o que vai certamente elevar os preços das commodities agrícolas e também estimular uma produção recorde de grãos no Brasil, porem a falta de infraestrutura, os gargalos logísticos e até a greve dos servidores federais podem ''atrapalhar a festa'' dos agricultores brasileiros.

 

Diante da queda da taxa de juros e da alta da inflação, os investimentos ''à prova de inflação'' estão cada vez mais em voga entre investidores no Brasil, num sinal de que o mercado tem dúvidas sobre a capacidade de o BC manter preços sob controle, ao mesmo tempo em que tenta reanimar a atividade econômica.

 

Cada vez mais conhecido pelos investidores, o aluguel de ações é uma oportunidade para garantir um rendimento extra na bolsa e, segundo dados da BM&FBovespa, o volume dessas operações atingiu R$ 458bi nos 7 primeiros meses deste ano, o que representa um crescimento de 17% sobre o mesmo período do ano passado.

 

-    A Gafisa subiu 15,4%, após informar que fechou o segundo trimestre com lucro líquido de R$ 1mi, revertendo prejuízo de R$ -31,8mi no mesmo período do ano passado.

-    A Renner avançou 3,9%, após divulgar crescimento de 14,2% na receita líquida do segundo trimestre, apesar do cenário desafiador para o consumo.


Política:
 

Cada dia mais irritados com a atitude de Dilma diante das greves dos servidores, os sindicatos vinculados à CUT estão reclamando que a presidenta fechou as portas de seu gabinete e já ''ameaçam'' deflagrar uma a campanha "Volta Lula", para que o ex-presidente concorra à Presidência em 2014.

 

Os 3 deputados federais réus do mensalão, que, no auge do escândalo, se livraram uma vez da cassação de seus mandatos, deverão enfrentar novos processos disciplinares no Conselho de Ética da Câmara, caso condenados no Supremo Tribunal Federal, são eles João Paulo Cunha, do PT, Valdemar Costa Neto, do PR e Pedro, do PP.

 

Uma diretoria da Secretaria Estadual de Educação expediu circular e usou página do órgão na internet para convocar dirigentes de escolas públicas para um ato de apoio à Serra, candidato à prefeitura de SP, porem o tucano rebateu as críticas sobre uso da máquina pública ressaltando que o episódio foi um fato isolado e espontâneo de uma servidora e que o governo do Estado já está tomando providências.


Crítica:
 
Atualmente os produtores de milho norte-americanos são obrigados a destinar 40% da safra para a fabricação de etanol, porem, ''temendo'' uma crise alimentar mundial, a ONU fez um apelo pela suspensão imediata da mistura obrigatória de etanol na gasolina dos EUA no momento em que os preços dos alimentos disparam devido à estiagem do país.

PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br

Conheça e indique nosso Blog http://relatoriobrasil.blogspot.com
Conheça e indique minha página no Facebook http://facebook.com/Alfredosequeirafilho

Nenhum comentário:

Postar um comentário