R.B. 11/JUN/12 ''Otimismo moderado''


R.B.

"Otimismo moderado"

 

São Paulo, 11 de junho de 2012 (SEGUNDA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA deve subir, para provavelmente superar os 55.000pts já na primeira hora do pregão, acompanhando a forte melhora do ''humor'' nas demais bolsas mundiais diante do anuncio de um pacote do FMI de 100bi de euros para ajudar os bancos da Espanha.

-    O DÓLAR pode cair, com ''boas chances'' de fechar o dia abaixo dos R$ 2,00, também influenciado pela ajuda do FMI aos bancos mundiais, que certamente reduzirá, ao menos no curto prazo, a aversão mundial ao risco.

 

SEXTA-FEIRA

-    BOVESPA 0,5%, abriu em queda, para na mínima recuar -0,8%, porem foi se recuperando gradativamente ao longo do dia, mesmo com baixo volume de negócios (R$ 5,4bi), à espera do anúncio de um pacote de resgate aos bancos espanhóis, para fechar a semana acumulando uma valorização de 1,92%, interrompendo assim uma sequência de 6 baixas semanais consecutivas.

-    DÓLAR -0,1% à R$ 2,02, abriu em alta, porem, após um pregão volátil, influenciado pela presença do BC na ponta vendedora, fechou em leve queda, acompanhando a melhora do ''humor'' na Bovespa e registrando uma baixa de -1,1% na semana.

-    Na ÁSIA, seguindo as perdas das demais bolsas mundiais no dia anterior, JAPÃO -2,1%, CORÉIA -0,7% e CHINA -0,5%, diante da decepção com o Fed (''BC'' norte-americano), que não deu nenhuma indicação clara de que haverá afrouxamento em breve nem uma ampliação de seu programa de compra de ativos, e do inesperado corte da taxa de juros na China, anunciado antes da divulgação de importantes indicadores econômicos do país.

-    Na EUROPA, realizando lucros após 4 pregões consecutivos de alta, INGLATERRA -0,2%, FRANÇA -0,4% e ALEMANHA -0,6%, com os investidores (1) desapontados com a falta de estímulos monetários nos EUA, (2) posicionados para possíveis dados fracos sobre a economia chinesa no fim de semana e pressionando o FMI a anunciar um pacote de ajuda aos bancos da Espanha.

-    Nos EUA, fechando em alta a melhor semana do ano, S&P 0,8%, DJ 0,7% e NASDAQ 1,0%, apesar de os investidores seguirem cautelosos com os rumores de que a Espanha deve pedir ajuda no fim de semana para recapitalizar seus bancos em dificuldades.


Economia:
 

Causando um fechamento em alta de 2,0% na bolsa de Tóquio e uma abertura em alta superior a 5% na bolsa de Madri, durante o final de semana o FMI anunciou que está pronto para destinar 100bi de euros para os bancos da Espanha.

 

Apesar de alertar que a economia dos EUA segue submissa a "riscos significativos", como a atual crise fiscal e financeira da zona do euro, a agência de classificação de risco Standard and Poor's manteve sua nota para a dívida soberana norte-americana em "AA", mas advertiu que continua a perspectiva negativa.

 

Com um ''otimismo moderado'', Tombini, presidente do BC, afirmou que as medidas para estimular o crescimento econômico tomadas pelo governo Dilma terão seus efeitos na economia nos próximos meses e ressaltou que o PIB brasileiro do segundo trimestre será mais acelerado do que nos primeiros três meses deste ano.

 

Na ata da sua reunião de 30/MAI/12, quando reduziu a taxa básica de juros da economia brasileira para 8,5% (o menor patamar da história), o Copom afirmou que a desaceleração da economia brasileira no segundo semestre do ano passado foi maior do que a esperada, o que reitera tendência de continuar reduzindo os juros.

 

Como que antecipando o anuncio que seria feito no final de semana, na sexta-feira Christine Lagarde, diretora-gerente do FMI, afirmou que restabelecer a saúde dos bancos europeus é fundamental para o fortalecimento de uma economia global que luta para recuperar seus passos.

 

-    A Petrobrás caiu -1,1%, porem após o fechamento do pregão a empresa anunciou que descobriu  mais petróleo de boa qualidade no pré-sal da Bacia de Santos.

-    A Gafisa subiu 16,4%, após a companhia ter dito que emitirá 70,25 milhões de ações para concluir o processo de compra da Alphaville Urbanismo.

-    A Usiminas avançou 8,5%, após o Cade ter autorizado a CSN a realizar operações em Bolsas envolvendo os papéis da Usiminas.


Política:
 
Baixando cada dia mais o nível, o ''nobre'' senador tucano Álvaro Dias afirmou ontem que o ex-presidente Lula é "decadente" e criticou a suposta tentativa do petista de interferir no julgamento do mensalão pelo STF.
 
Prometendo processar o petista Lula e o peemedebista Eduardo Paes por terem feito campanha antecipada ao inaugurarem um corredor de ônibus, o deputado federal tucano Otávio Leite lançou ontem sua candidatura à Prefeitura do RJ.
 
Confirmando que desta vez o PSDB já escolheu 3 anos antes seu candidato à presidente, Aécio Neves tem usado e monopolizado o tempo do partido na TV para aparecer em todo Brasil falando de ética e se apresentando como líder da oposição.
 
Esta semana deve ser tensa na CPI do Cachoeira, já os governadores Marconi Perillo, do PSDB de Goiás, e Agnelo Queiroz, do PT do Distrito Federal, irão depor, respectivamente na terça-feira e na quarta-feira, após terem suas convocações aprovadas em sessão da referida comissão no dia 29/MAI/12.

Crítica:
 
Convertida em entidade chapa-branca desde a ascensão do PT ao poder e apoiando todas as iniciativas administrativas e políticas do Palácio do Planalto nos últimos 10 anos, finalmente a UNE (União Nacional dos Estudantes) está sendo investigada pelo Ministério Público Federal por malversação no uso de verbas públicas.

PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br

Conheça e indique nosso Blog http://relatoriobrasil.blogspot.com
Conheça e indique minha página no Facebook http://facebook.com/Alfredosequeirafilho

Nenhum comentário:

Postar um comentário