R.B. 24/ABR/12 ''Se coçando''


R.B.

"Se coçando"

 

São Paulo, 24 de abril de 2012 (TERÇA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA pode subir, tentando uma recuperação após 3 pregões consecutivos de queda, acompanhando a ligeira melhora do ''humor'' nas demais bolsas mundiais e também beneficiada pela recuperação dos preços das commodities.

-    O DÓLAR deve cair, devolvendo uma pequena parte da alta acumulada nos últimos pregões, acompanhando a provável melhora do ''humor'' na Bovespa e também o fluxo positivo de recursos externos.

 

ONTEM

-    BOVESPA -1,5%, já abriu em queda e, acompanhando o ''humor negativo'' das demais bolsas mundiais, manteve a trajetória descendente ao longo de todo pregão, ampliando as perdas acumuladas no mês (-4,6%) também prejudicada pelo recuo das commodities.

-    DÓLAR 0,7% à R$ 1,88, já abriu em alta e, também seguindo o ''humor negativo'' nas demais bolsas mundiais, manteve a trajetória ascendente ao longo de todo pregão, novamente pressionado pelos leilões de compra do BC.

-    Na ÁSIA, reduzindo as perdas iniciais, diante da divulgação de um relatório mostrando que a atividade industrial chinesa se estabilizou em ABR/12, JAPÃO -0,2%, CORÉIA -0,1% e CHINA -0,8%, com destaques de queda para as exportadoras do setor de tecnologia.

-    Na EUROPA, nos menores patamares dos últimos 3 meses, INGLATERRA -1,8, FRANÇA -2,8% e ALEMANHA -3,4%, com destaques de queda para as ações de bancos e ''desanimadas'' pelo resultado do primeiro turno das eleições francesas para e pela renúncia do premiê da Holanda.

-    Nos EUA, em mais um dia de perdas, S&P -0,8%, DJ -0,8% e NASDAQ -1,0%, com as agitações políticas suscitando dúvidas a respeito da habilidade da zona do euro de implementar medidas anticrise e com destaque de queda para as ações do Wal-Mart (-4,7%), diante da denúncia de que a empresa criou entraves a uma investigação de chantagem.


Economia:
 

Dando mais um sinal de que a Selic deve seguir em queda, ontem Luciano Coutinho, presidente do BNDES, afirmou atualmente existe uma janela de oportunidade no Brasil e não há nenhuma razão para que o país deixe de testar taxa de juros menores.

 

Diante dos sinais de que a Selic deve seguir em queda, o ''mercado'' elevou, desta vez de 3,20% para 3,12%, suas ''apostas'' para o crescimento do PIB brasileiro em 2012 e manteve em 5,08% suas estimativas para o IPCA deste ano.

 

Após registrar um superávit de US$ 103mi na terceira semana de ABR/12, a balança comercial brasileira acumula um saldo positivo de US$ 2,3bi no ano, patamar bem abaixo do valor apurado no mesmo período de 2011 (US$ 4,2bi).

 

Para evitar que, caso o governo Dilma siga cortando a taxa de juros, ocorra uma grande migração de aplicações em fundos e títulos públicos para a poupança, a Câmara já analisa nesta semana um projeto de lei que pede redução da remuneração das cadernetas de poupança com saldo superior a R$ 50 mil.

 

''Se coçando'' para não perder clientes após as ações da Caixa e do Banco do Brasil, ontem o Bradesco, segundo maior banco privado brasileiro, ''avisou'' que fará novas reduções nas taxas de juros para fazer frente à agressividade da concorrência.  

 

-    A JBS caiu -6,3%, após anunciar que fez um proposta para comprar ativos do frigorífico Independência por R$ 268mi.

-    A Locamerica recuou -5,6%, no seu primeiro dia de negociação na Bovespa.


Política:
 
Com a missão de manter vivo o DEM, que é alvo de constantes denuncias de corrupção, a pré-candidatura do deputado federal ACM Neto à sucessão municipal da capital baiana foi confirmada ontem durante um evento realizado pela Executiva Estadual do Democratas em Salvador, na Bahia.
 
Enquanto PT e oposição trabalham para politizar os trabalhos da CPI Mista do Cachoeira, que será instalada amanhã no Congresso, um grupo de parlamentares, chamados de independentes, tentarão dar rumo técnico às investigações.
 
Envolvendo agora um ''tucano emplumado'', segundo gravações feitas pela Polícia Federal o senador Demóstenes Torres, ex-DEM, intercedeu diretamente junto a seu colega tucano Aécio Neves e arrumou um emprego comissionado para uma prima do empresário do de Carlinhos Cachoeira.
 
Após mais de 4 horas de reunião em Aracaju com todos os governadores nordestinos e o de Minas, Dilma decidiu liberar R$ 2,7bi para reduzir os efeitos da estiagem que já se espalha por 1,1 mil municípios do Nordeste.
Crítica:
 
Começando a colher os ''frutos'' da sua estúpida decisão de desapropriar a empresa de combustíveis YPF, ontem a Argentina viu sua ''nota'' ser rebaixada pela agência de classificação de risco S&P, que ressaltou que as recentes políticas do governo aumentam os riscos no setor macroeconômico do país.
PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br

Conheça e indique nosso Blog http://relatoriobrasil.blogspot.com
Conheça e indique minha página no Facebook http://facebook.com/Alfredosequeirafilho

Nenhum comentário:

Postar um comentário