R.B. 15/FEV/12 ''Vida dura na oposição''


R.B.

"Vida dura na oposição"

 

São Paulo, 15 de fevereiro de 2012 (QUARTA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA deve subir, respeitando o suporte dos 65.000pts, recuperando as perdas do pregão anterior e acompanhando a significativa melhora do ''humor'' nas bolsas da Europa e dos EUA.

-    O DÓLAR pode cair, retornando à sua ''trajetória natural'' após a alta do pregão de ontem, seguindo os mesmos motivos que devem levar a alta da Bolsa e também influenciado pelo ''crescente e constante'' fluxo positivo de recursos externos.

 

ONTEM

-    BOVESPA -1,0%, abriu em alta, para na máxima avançar 0,2%, porem, com bom volume de negócios (R$ 7,2bi), logo passou a cair ainda na parte da manhã, seguindo a instabilidade das bolsas da Europa e dos EUA e principalmente pressionada pela forte baixa das ações da Petrobrás (-4,7%).

-    DÓLAR 0,3% à R$ 1,72 abriu em queda, para na mínima recuar -0,3%, porem passou a subir na parte da tarde, seguindo a divulgação de dados econômicos ruins nos EUA e o menor otimismo quanto uma solução para a dívida da Grécia.

-    Na ÁSIA, sem uma tendência única, JAPÃO 0,6%, após seu BC surpreender positivamente ao afrouxar ainda mais a política monetária, aumentando o programa de compra de ativos e a injeção de liquidez para combater a deflação e estimular a economia, porem CORÉIA -0,1% e CHINA -0,3%, já refletindo o alerta da Moody's de que poderão ser rebaixadas as ''notas'' de alguns países europeus.

-    Na EUROPA, revertendo uma abertura positiva, causada pelo anúncio de que a confiança dos analistas e investidores da Alemanha subiu para o maior nível desde ABR/11, INGLATERRA -0,1%, FRANÇA -0,3% e ALEMANHA -0,2%, após as vendas no varejo norte-americano mais fracas que o esperado gerarem dúvidas sobre a força da recuperação da maior economia do mundo.

-    Nos EUA, com pouca volatilidade e poucos negócios, S&P 0,1%, DJ 0,1% e NASDAQ 0,1%, revertendo no final do dia as perdas, diante de ''rumores'' de que o governo grego ter dito que se espera que o líder do partido conservador entregue uma carta de compromisso aos credores internacionais do país.


Economia:
 
Refutando os ''rumores do mercado'', Mantega, ministro da Fazenda, negou que o governo esteja estudando um aumento do Imposto de Renda sobre aplicações financeiras que acompanham a variação da Selic, ressaltando inclusive que o que está na pauta do governo é a redução de impostos.
 
''Apostando'' na manutenção do aumento da renda do brasileiro e no aumento da concorrência, João Rezende, presidente da Anatel, afirmou que o mercado de TV paga no Brasil deve mais do que dobrar nos próximos 5 anos, atingindo 25 milhões de residências ante aproximadamente 12 milhões de residências atualmente.
 
Com o setor automotivo beneficiado constantemente pelo governo federal, no ano passado o saldo de financiamento de veículos novos e usados por meio de CDC atingiu R$ 172,9bi, o que representa um crescimento de 23,2% na comparação com o resultado de 2010.
 
Dando mais um importante sinal do bom desempenho da economia brasileira no ano passado, em DEZ/11 as vendas do comércio varejista brasileiro cresceram 6,7% na comparação com DEZ/10.
 
Iniciando uma parceria que pode render muitos frutos para o Brasil, Marco Raupp, ministro da Ciência e Tecnologia, criou o Centro Brasil-China de Pesquisa e Inovação em Nanotecnologia, que inicialmente vai desenvolver sensores e dispositivos para uso em diagnósticos clínicos para atendimento de populações dispersas.
 
-    O Banco do Brasil subiu 4,1%, após anunciar que registrou um lucro líquido de R$ 12,1bi em 2011, com alta de 3,6% sobre o desempenho no ano anterior.
-    A Petrobrás caiu -4,7%, diante de rumores de que seu balanço tem ''inconsistências'' e mesmo depois de anunciar que pretende acrescentar 367 mil barris diários à sua produção de 2012.

Política:
 
Após se rebelar contra o governo Dilma diante da indicação de Paulo Sérgio Passos para o Ministério dos Transportes, no lugar de Alfredo Nascimento, que deixou o governo em JUL/11, o PR, que está levando uma ''vida dura na oposição'', já negocia ''humildemente'' sua volta à base aliada.
 
Mostrando mais uma vez que não se deve confiar 100% em suas promessas, é cada dia maior as chances de Serra, em nome de uma suposta união do partido, ser o candidato tucano nas eleições para a prefeitura de SP neste ano.
 
Contrariada com a abertura de processo pela Comissão de Ética Pública da Presidência contra o ministro do Desenvolvimento, Fernando Pimentel, Dilma deverá precipitar a troca de 5 dos 7 integrantes do órgão no meio deste ano, quando terminam os mandatos.
 
Por um pedido do governo, o relator do projeto da Lei Geral da Copa, que é o deputado petista Vicente Cândido, adiou mais uma vez a votação da matéria, que estava prevista para ontem em comissão especial da Câmara.

Crítica:
 
Em 9/ABR/12 Dilma irá aos EUA para se encontrar com Obama e, passados quase 2 anos do maior atrito entre EUA e Brasil em razão do programa nuclear do Irã, o presidente norte-americano pretende convencer o Brasil a somar-se ao bloco de pressão internacional para evitar que Teerã obtenha armas nucleares.
PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br

Conheça e indique nosso Blog http://relatoriobrasil.blogspot.com
Conheça e indique minha página no Facebook http://facebook.com/Alfredosequeirafilho

Nenhum comentário:

Postar um comentário