R.B. 20/MAI/11 ''Galã francês''


R.B.

"Galã francês"

 

São Paulo, 20 de maio de 2011 (SEXTA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA pode subir, novamente tentando um movimento de ''caça de barganhas'' após acumular uma queda de -10,0% no ano, acompanhando a melhora do ''humor'' nas demais bolsas mundiais e a recuperação dos preços das commodities.

-    O DÓLAR deve cair, retornando à sua ''trajetória natural'' após o leve repique do pregão anterior, influenciado pela provável melhora do ''humor'' na Bovespa e seguindo ''crescente e constante'' fluxo positivo de recursos externos.

 

ONTEM

-    BOVESPA -0,7%, abriu em alta, para na máxima avançar 1,2%, porem, mesmo com o bom desempenho das bolsas de NY, passou a cair na parte da tarde, para fechar no menor patamar desde 5/JUL/11 (aos 62.367pts), prejudicada pelo recuo das commodities no mercado internacional, pelo cenário ainda nebuloso no combate à inflação e pelo elevado patamar da taxa de juros brasileira.

-    DÓLAR -0,3% à R$ 1,62, abriu em queda, para na mínima atingir R$ 1,60, porem passou a subir nas 2 ultimas horas do pregão, pressionado pelos leilões de compra do BC e seguindo a piora do ''humor'' na Bovespa.

-    Na ÁSIA, seguindo as perdas das bolsas de NY no dia anterior, JAPÃO -0,4%, pressionada por dados mais fracos do que o esperado sobre o PIB do local e por um movimento de vendas de ações das empresas de serviços públicos, CHINA -0,5%, diante de preocupações de que a economia local possa estar reduzindo seu crescimento e CORÉIA -1,9%, a sexta queda consecutiva, desta vez pressionada por ações do setor financeiro.

-    Na EUROPA, tentando recuperar perdas recentes e acompanhando a abertura positiva das bolsas de NY, INGLATERRA 0,5%, FRANÇA 1,2% e ALEMANHA 0,7%, impulsionadas principalmente pelo noticiário corporativo, com destaque para a estréia das ações da Glencore em Londres e da LinkedIn em NY e para os balanços positivos da Air France-KLM e da Investec.

-    Nos EUA, devolvendo parte dos ganhos da abertura, já enfrentam resistência técnica que, provavelmente, limitará novos ganhos no curto prazo, S&P 0,2%, DJ 0,4% e NASDAQ 0,3%, beneficiadas por dados positivos sobre os pedidos de auxílio-desemprego, que sugerem que o mercado de trabalho está se encaminhando para uma recuperação.


Economia:
 
Acreditando que está no caminho certo, porem ciente de que existe ainda um longo percurso pela frente, Tombini, presidente do BC, afirmou que a atividade econômica e o crédito estão em ritmo de moderação, e a inflação corrente deve atingir níveis menores no período à frente, mas ressaltou que leva-la ao centro da meta em 2012 ainda demandará trabalho.
 
Ajudando a ação da empresa cair -1,9% e atingir o menor patamar desde OUT/10, Mantega, ministro da fazenda, não conteve a língua dentro da boca para dizer que pediu à Petrobras para preparar um plano de investimentos mais realista, menos agressivo, sem excessos e com foco na eficiência.
 

Dando novos sinais positivos da economia interna, (1) a arrecadação de tributos federais chegou a R$ 85,1bi em ABR/11, o que representa uma cifra recorde para o mês, um aumento de 19,05% na comparação com MAR/11 e de 10,34% na comparação com ABR/10 e (2) a procura por vôos domésticos no mercado brasileiro cresceu 31,45% em ABR/11, ante o mesmo mês do ano passado.

 

Com o ''Imperialismo tupiniquim'' avançando por todos os cantos deste mundo, ontem a CSN anunciou a compra de 5 empresas européias do grupo espanhol Afonso Gallardo por 543mi de euros.

 

Como fruto do aumento da taxa de juros e dos sinais de retração da economia, em MAI/11 o Índice de Confiança do Empresário Industrial no Brasil registrou a maior queda dos últimos 10 meses, atingindo 57,5pts, o que representa um recuo de 2,2pts sobre ABR/11 e de 8,8pts na comparação com MAI/10.


Política:
 
Além da pressão política dentro e fora do governo, Palocci, ministro da Casa Civil, foi alertado por alguns de seus clientes para que não abra em hipótese alguma a relação de contratos fechados por sua empresa, já que obviamente não querem ser envolvidos em polemicas criadas pela oposição.
 
Após quase um 1 de reunião no Palácio da Alvorada, o governo Dilma avaliou que a crise política envolvendo Palocci vai se prolongar e decidiu reforçará a estratégia de blindagem de seu mais importante articulador político.
 
Colocando em pratica uma medida que deveria valer também para o executivo e para o legislativo, o governo de MG decidiu que os 17 mil servidores comissionados do Estado terão 30 dias para apresentar um documento em que se declarem fichas limpas.
 
Longe do Palácio do Planalto, porem empenhado em continuar participando ativamente da política nacional, ontem Lula convidou as centrais sindicais para discutir uma proposta conjunta de reforma política a ser defendida no Congresso Nacional.
 
Tentando reagir, apenas 1 dia depois de anunciar crescimento de 27% no desmatamento da Amazônia, o governo Dilma decidiu mobilizar o Exército na estratégia de combate à devastação, que cresce muito rapidamente, principalmente no Mato Grosso.

Crítica:
 
Pela manhã Dominique Strauss-Kahn, acusado nos EUA de estuprar uma camareira de 22 anos que foi as 2 da madrugada em seu quarto, renunciou ao cargo de diretor-gerente do FMI, na parte da tarde foi divulgada uma pesquisa indicando que 57% dos franceses acreditam que ele foi vitima de uma armação e à noite a ''justiça norte-americana'' fixou uma fiança de US$ 1mi para soltar o referido ''galã francês''.

PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br

Conheça e indique nosso novo Blog ( http://relatoriobrasil.blogspot.com )

Nenhum comentário:

Postar um comentário