R.B. 21/JUL/10 "Pequena maioria"

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Pequena maioria"

São Paulo, 21 de julho de 2010 (QUARTA-FEIRA).
-------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA deve subir, o ''boas chances'' de finalmente fechar o dia acima dos 65.000pts, acompanhando o movimento ascendente das demais bolsas mundiais e o aumento das ''apostas'' de que o Copom pode elevar a Selic em ''apenas'' 0,50% na reunião que acaba hoje.
- O DÓLAR pode seguir em queda, rumo aos R$ 1,75, seguindo o fluxo positivo de recursos externos, a forte melhora do ''humor'' na Bovespa e também as ''apostas'' de elevação da Selic na reunião do Copom que termina hoje.

ONTEM
- BOVESPA 1,8%, abriu em queda, para na mínima recuar -0,5%, porem, alheia ao movimento das demais bolsas mundiais e com ótimo volume de negócios (R$ 7,5bi), logo passou a subir, em uma alta liderada pelas ações da Vale (6,2%), diante de ''rumores'' sobre o aumento da demanda mundial por minério, principalmente na China.
- DÓLAR -0,7% à R$ 1,77, abriu em alta, para na máxima atingir R$ 1,79, porem, acompanhando a forte melhora do ''humor'' na Bovespa, passou a cair ainda na parte da manhã, também influenciado por ''rumores'' de que houve entrada grande de moeda estrangeira no mercado brasileiro.
- Na ÁSIA, sem uma tendência única, JAPÃO -1,1%, se alinhando às perdas da véspera, quando não abriu devido a um feriado local, já CORÉIA 0,3% e CHINA 2,1%, com destaques de alta para ações do setor bancário, se recuperando das perdas recentes.
- Na EUROPA, diante da manutenção das preocupações com a situação da Hungria, que enfrenta dificuldades para renovar sua linha de empréstimo com o FMI, INGLATERRA -0,2%, FRANÇA -0,5% e ALEMANHA -0,7%, apesar do bom desempenho das ações de empresas ligadas a commodities, como BHP (2,2%) e Rio Tinto (3,6%).
- Nos EUA, também revertendo uma abertura negativa, S&P 1,1%, DJ 0,7% e NASDAQ 1,1%, impulsionadas pela valorização do Goldman Sachs (2,2%) e pela recuperação de ações ligadas aos setores de construção e matérias-primas.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

Hoje, após o fechamento do pregão, o Copom anunciará sua decisão sobre a taxa básica e, embora uma ''pequena maioria'' do mercado ainda ''aposte'' em uma elevação de 0,75% na Selic, que subiria de 10,5% para 11,25%, já existe, diante dos recentes sinais de controle da inflação e arrefecimento do ritmo de crescimento da economia, uma boa parcela de ''especialistas'' que esperam uma elevação de ''apenas'' 0,5% no juros.

Apresentando um importante sinal da ''ótima condição de saúde'' da economia brasileira, no primeiro semestre de 2010 o nível de inadimplência com cheques atingiu o menor patamar em 5 anos (1,87%).

Diante da ainda latente demanda no setor imobiliário brasileiro, (1) os contratos novos de locação residencial assinados em SP em JUN/10 tiveram aumento médio de 11,0% na comparação com o mesmo período de 2009 e (2) segundo Luiz Antônio França, presidente da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança, até 2014 o percentual do PIB destinado a financiamentos imobiliários subirá dos atuais 3% para 11%.

Após elevar, de 5,5% para 6,5%, sua previsão para o crescimento do PIB brasileiro em 2010, o governo federal, ''aliviado'' com a redução na estimativa para o déficit da Previdência em R$ -1,6bi, anunciou a liberação de R$ 2,5bi do Orçamento de 2010 para gastos e investimentos.

Dando novos sinais de controle da inflação, (1) a segunda prévia do IGP-M de JUL/10 registrou alta de 0,03%, o que mostra uma forte desaceleração em relação ao apurado no mesmo período do mês passado (1,06%) e (2) IPCA-15 de JUL/10 registrou deflação de -0,09%, desacelerando frente à elevação de 0,19% verificada em JUN/10 e ficando ligeiramente abaixo do esperado pelo ''mercado'' (-0,03%).

- A Embraer subiu 6,1%, após assinar 2 contratos que podem gerar até R$ 10,35bi em encomendas.
- A OGX subiu 1,8%, após anunciar que encontrou mais petróleo em um de seus poços da Bacia de Campos.
--------------------------------------------------------------------------------
Política:

Apesar de ter ''prometido'' fidelidade e empenho total na campanha presidencial de seu ''companheiro tucano'', Aécio, candidato ao Senado por MG, apenas menciona o nome de nos eventos públicos em que ele esteve presente.

Citando o uso de dinheiro publico para a construção da hidrelétrica de Belo Monte, Serra afirmou, durante uma palestra para empresários goianos, que no governo Lula os empresários que participam da construção de grandes obras não correm riscos, já que quem paga o prejuízo é o governo.

Após enumerar as iniciativas de seu governo voltadas para os mais pobres, como o Bolsa Família, ontem Lula sancionou o Estatuto da Igualdade Racial e do projeto de lei que cria a Universidade Federal da Integração Luso-Afro-Brasileira, aproveitando a oportunidade para criticar a oposição, sem citar nomes, por ter entrado no Supremo Tribunal Federal contra as cotas para estudantes negros.

Afirmando o que ''qualquer bobo já sabia'', Dilma ressaltou que as recentes declarações de Serra, que acusou o PT de ligação com as Farc, ocorrem devido ao temor do tucano em perder as eleições.
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

Dominada por sua máfia local e cada dia mais próxima dos inimigos dos EUA, como principalmente a Venezuela e o Irã, a Rússia este ano provavelmente baterá mais um recorde histórico de exportações de armas atingindo a marca anual de US$ 9bi.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário