R.B. 5/MAI/10 ''Não está 100% certo de que quer casar''

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Não está 100% certo de que quer casar"

São Paulo, 5 de maio de 2010 (QUARTA-FEIRA).
-------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA pode subir, tentando uma recuperação e em um movimento de ''caça de barganhas'' após 3 pregões consecutivos de queda, acompanhando o movimento similar que deve acontecer nas demais bolsas mundiais, porem deve-se ressaltar que no curto prazo a volatilidade deve continuar, já que ainda são grandes as incertezas na Europa.
- O DÓLAR deve cair, retomando sua ''trajetória natural'' após a forte valorização no pregão anterior, diante da expectativa de que a taxa básica de juros volte a subir nos próximos meses, partindo de 9,50% e se aproximando dos 12% até o final deste ano, se tornando um fator ainda mais poderoso de atração de capital estrangeiro.

ONTEM
- BOVESPA -3,3%, já abriu em queda e, desta vez também pressionada pela nova piora do ''humor'' nos mercados da Europa e dos EUA, manteve a trajetória descendente ao longo de todo pregão, com bom volume de negócios (R$ 10,1bi), para fechar no menor patamar desde 9/FEV/10, também influenciada negativamente pelo recuo das commodities.
- DÓLAR 1,7% à R$ 1,76, já abriu em alta e, seguindo o ''humor negativo'' dos mercados mundiais, manteve a trajetória ascendente ao longo de todo pregão, pressionado pelos leilões de compra do BC e pela forte elevação do risco-Brasil (7,1%).
- Na ÁSIA, ''ajustando-se'' as perdas das bolsas mundiais no dia anterior, JAPÃO permaneceu fechada por feriado local, CHINA -1,2%, no menor nível em mais de 7 meses por conta de perdas nos setores bancário e imobiliário e CORÉIA -0,1%, com as baixas em ações financeiras e do setor de construção anulando as altas no setor automotivo.
- Na EUROPA, diante de renovados temores quanto à saúde financeira de países da periferia da zona do euro, INGLATERRA -2,6%, FRANÇA -3,6% e ALEMANHA -2,6%, mais uma vez com destaques de queda para ações de bancos, como Credit Agricole (-6,1%), Santander (-7,3%) e Banco Nacional da Grécia (-13,1%), já que são os grandes detentores de títulos de dívida de governos, e desta vez também pressionada pelas ações das mineradoras, como Rio Tinto (-6,4%) e BHP Billiton (-7,9%), afetadas por uma proposta de elevação de impostos sobre a exploração de recursos naturais na Austrália.
- Nos EUA, intensificando as perdas ao longo do dia, para fecharem com a maior queda percentual dos últimos 3 meses, S&P -2,4%, DJ -2,0% e NASDAQ -3,0%, diante do medo dos investidores de que a crise orçamentária que afeta a Grécia propague-se a outros países da zona do euro.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

Repetindo algo que Meirelles, presidente do BC, vem alertando e fazendo no Brasil, ontem o FMI ''recomendou'' que os países da América Latina e do Caribe aproveitem "a transitória bonança" pela qual a região passará nos próximos anos e que se preparem para futuros problemas comerciais economizando e acumulando reservas.

Após ''garantir'' as contas públicas brasileiras estão equilibradas, inclusive apresentando dados para mostrar que os gastos com custeio e pessoal ficaram estáveis na comparação com o governo anterior, Mantega, ministro da Fazenda, defendeu as políticas adotadas pelo governo Lula durante a crise para estimular o consumo e o crescimento econômico.

Mostrando que, apesar dos ''problemas externos'', a economia do Brasil segue em crescimento sustentável, no primeiro trimestre deste ano a produção industrial brasileira acumulou um avanço de 18,1% em relação a igual período em 2009, o que representa o mais significativo avanço para um período acumulado de 3 meses desde o início da série histórica, em 1991.

Sem se ''impressionar'' com o ótimo resultado da produção industrial brasileira em MAR/10, Aldo Mendes, diretor de Política Monetária do BC, afirmou ontem que há sintomas de inflação de demanda no primeiro trimestre deste ano, ressaltando que a pressão sobre os preços de bens comercializáveis e não comercializáveis está subindo.

Com o objetivo de literalmente ter energia para o Brasil crescer cerca de 5% a ano, ontem a Empresa de Pesquisa Energética divulgou um novo Plano Decenal de Energia 2010-2019, que prevê investimentos totais de R$ 951bi no período e a necessidade da construção de 39 novas usinas hidrelétricas que ainda nem foram licitadas.

Como fruto do aumento da renda e da queda do desemprego, nos 3 primeiros meses de 2010 o mercado de previdência privada captou R$ 10,1bi, maior volume registrado em um trimestre desde 2005 e resultado 27,90% superior ao montante de recursos levantado no mesmo trimestre do ano passado.

- Acima do apurado em MAR/10 (0,34%), porem em um patamar que ainda pode ser considerado baixo, o IPC no município de São Paulo encerrou ABR/10 com elevação de 0,39%.

- O Itaú caiu 2,6%, apesar de anunciar que acumulou um lucro de R$ 3,2bi no primeiro trimestre, o que representa um crescimento de 60,5% sobre o resultado de um ano atrás.
- A Telebrás subiu 2,6% e, após o fechamento do pregão, Lula confirmou que a empresa sairá do ''limbo'' para ser a gestora do Plano Nacional de Banda Larga, programa que pretende universalizar o acesso à internet rápida no país.
--------------------------------------------------------------------------------
Política:

Como atualmente a base aliada está mais preocupada com as eleições do que com as contas publicas, ontem à noite a Câmara aprovou um aumento de 7,7% para os aposentados que ganham acima de um salário mínimo, o que pode ''obrigar'' Lula a veta-lo em pleno ano eleitoral.

Como quem ''não está 100% certo de que quer casar'', ontem, apesar das investidas diretas de Dilma, o PMDB ''avisou'' que cancelou o encontro que faria em 15/MAI/10 para consolidar a aliança nacional do partido com o PT, ressaltando que esta decisão somente sairá na convenção nacional de 12/JUN/10.

Convenientemente sem valer para as próximas eleições, ontem plenário da Câmara aprovou, por unanimidade, o relatório do projeto Ficha Limpa, porem com uma emenda do deputado peemedebista Eduardo Cunha que praticamente descaracteriza a proposta ao determinar que o candidato só se tornará inelegível se o processo for transitado em julgado.

Se tornando o primeiro partido governista a se ''bandear'' para o lado da oposição, ontem o PSC, que é comandado pelo Pastor Everaldo, bateu o martelo e decidiu que estará formalmente com Serra na eleição presidencial deste ano, o que dará ao tucano, alem de boa parte dos votos dos ''cordeirinhos evangélicos'', cerca de 50 segundos a mais no horário eleitoral gratuito.
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

Tentando generalizar uma atitude que é cada vez mais descoberta em sua retrograda e cínica religião que, ao obrigar o celibato, que alias não é cumprido nem por 50% de seus membros, intensifica e incentiva desvios de comportamento, Dom Dadeus Grings, arcebispo de Porto Alegre, afirmou durante o primeiro dia da 48ª Assembléia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil que a sociedade atual é pedófila, ''garantindo'' que o abuso sexual de crianças e adolescentes é mais freqüente entre médicos, professores e empresários do que entre sacerdotes.

Em mais um movimento na direção do endurecimento do controle sobre os 400 milhões de internautas do país, ontem a China decidiu proibir comentários anônimos na internet.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário