R.B. 14/MAI/10 ''Continua refém do Coronel''

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Continua refém do Coronel"

São Paulo, 14 de maio de 2010 (SEXTA-FEIRA).
--------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA deve voltar a cair, acompanhando a tendência das demais bolsas internacionais para ampliar a desvalorização acumulada em 2010 (-5,5%), porem deve-se ressaltar que este é um bom patamar para compras, principalmente para investimentos de longo prazo, já que os fundamentos econômicos do Brasil estão cada dia melhores.
- O DÓLAR pode voltar a subir, seguindo a trajetória internacional da moeda norte-americana, porem deve-se ressaltar que a tendência ainda é de queda, diante dos bons fundamentos da economia brasileira e do atraente patamar da taxa real de juros do Brasil (cerca de 4,5%).

ONTEM
- BOVESPA -0,7%, abriu em alta, para logo atingir a máxima do dia avançando 0,3%, porem, em um dia com baixo volume de negócios (R$ 5,2bi) e alguma volatilidade, passou a cair ainda na parte da manhã, para fechar na mínima do dia, diante de um quadro de várias incertezas sobre a situação da zona do euro e sem notícias de maior impacto.
- DÓLAR 0,2% à R$ 1,78, abriu em queda, para na mínima atingir R$ 1,77, porem passou a subir na parte da tarde, seguindo a piora do ''humor'' nas bolsas mundiais, pressionado pelos leilões de compra do BC e também influenciado pela elevação do risco-Brasil (2,0%).
- Na ÁSIA, ''animadas'' pelas novas medidas de austeridade anunciadas por Portugal e Espanha, JAPÃO 2,2%, impulsionada pelos bons resultados divulgados pela Tokyo Electron (7,0%) e pela Mitsubishi (3,3%), CORÉIA 1,9%, com destaque positivo para papéis do setor de tecnologia, como Samsung Electronics (1,4%) e CHINA 2,1%, com destaque de alta para as ações do Banco Comercial e Industrial da China (1,5%) e do Banco da China (1,6%).
- Na EUROPA, sem uma tendência única, INGLATERRA 0,9%, FRANÇA -0,1% e ALEMANHA 1,1%, em uma sessão marcada pela volatilidade, na qual fortes resultados corporativos, como do BT Group (11,0%) e do Grupo 3i (7,6%), contrabalançaram o enfraquecimento do setor bancário e com as preocupações com os efeitos que as medidas de austeridade de alguns governos europeus terão sobre as economias.
- Nos EUA, revertendo uma abertura positiva, S&P -1,2%, DJ -1,1% e NASDAQ -1,3%, prejudicadas por comentários negativos sobre a economia feitos pela Cisco Systems e pela varejista Kohl's, que colocaram em dúvida a força da recuperação da economia local.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

''Garantindo'' que o Brasil está preparado para enfrentar até uma crise como a de 2008, Meirelles, presidente do BC, afirmou, sem nenhuma modéstia, que a atuação do BC brasileiro está sendo usada como modelo para resolver a crise na Europa, ressaltando as qualidades do seu sistema de metas de inflação, câmbio flutuante e reservas elevadas.

Com o objetivo de reduzir o ritmo de crescimento da economia brasileira e a amplitude do ciclo de alta da Selic, Mantega, ministro da Fazenda, anunciou que o governo vai fazer cortes nos gastos públicos de R$ 10bi.

Permanecendo imune a crise na Europa e a recente elevação da Selic pelo BC brasileiro, segundo uma pesquisa da Fecomercio o Índice de Confiança do Consumidor cresceu de 152,1pts em ABR/10 para 152,9pts em MAI/10.

Dando mais um importante sinal positivo da economia brasileira, nos 4 primeiros meses de 2010, diante do aumento da renda e do ainda baixo patamar da taxa de juros, a inadimplência do consumidor registrou uma queda de -5,2% ante o mesmo período de 2009, o que representa o maior declínio para um primeiro quadrimestre desde o início da série, em 2000.

Para não perder a oportunidade de fazer negócios, hoje, durante sua reunião com o primeiro-ministro Vladimir Putin, que na verdade é quem manda na Rússia, Lula pedirá que o Brasil obtenha uma cota individual para a exportação de carnes ao país.

Após afirmar que seu país, apesar da crise que atinge a zona do euro, manterá suas ''apostas'' na economia brasileira, já que ela continua muito atraente, Carlos Alonso Zaldívar, embaixador da Espanha no Brasil, ressaltou que se a União Européia e o Mercosul chegarem finalmente a um acordo de livre-comércio, esses investimentos seriam ainda mais potencializados pelas perspectivas de mercados que se abririam.

- O Banco do Brasil caiu -1,2%, mesmo após anunciar que no primeiro trimestre de 2010 seu lucro líquido foi 41% maior que um ano atrás.
- A Eletropaulo subiu 1,1% e, após o fechamento do pregão, anunciou que registrou no primeiro trimestre deste ano um lucro líquido 6,2% maior que no mesmo período do ano anterior.
- A BR Foods subiu 4,6%, após anunciar que, revertendo um prejuízo de R$ 465mi no mesmo período de 2009, acumulou um lucro de R$ 52,6 milhões no primeiro trimestre deste ano.
--------------------------------------------------------------------------------
Política:

Ontem o TSE aceitou a ação do PSDB que suspende a próxima campanha partidária do PT, a ser exibida em 2011, e estabelece o pagamento de multa de R$ 20 mil ao partido e R$ 5.000 à pré-candidata Dilma por um vídeo transmitido em DEZ/10 que destacava a sua qualidade de líder e administradora, ressaltando que o que foi feito por Lula não pode parar.

Com Dilma, que foi comparara a Mandela, como estrela principal, ontem o PT usou seu horário na TV para contar a história de sua pré-candidata à Presidência, que recebeu ''elogios espontâneo'' de todos os ministros petistas, e para comparar, inclusive com números, os governos Lula-Dilma e FHC-Serra.

Mostrando que, apesar das provocações do PT, não irá partir para a briga, ontem Serra afirmou que Lula está acima do bem e do mal e que sua popularidade é merecida.

Mostrando que ainda ''continua refém do Coronel'', sob forte pressão da família Sarney para que o PT maranhense retire o apoio à candidatura do deputado Flavio Dino, do PCdoB, ao governo do Estado, Lula garantiu a Sarney e sua filha, a governadora Roseana, que o PT apoiará a sua reeleição.
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

Em mais um de seus ''surtos ditatoriais'', que são fruto de sua ignorância e de seus preconceitos, ontem Chavez, presidente da Venezuela, afirmou que está disposto a eliminar as bolsas de valores do país, que, segundo ele, estão supostamente envolvidas em um plano para elevar artificialmente o valor do chamado "dólar permuta" e são instrumentos criados pela burguesia para conduzir o dinheiro do povo.

Confirmando que Lula acertou ao criar o Ministério da Igualdade Racial, nos últimos 8 anos a renda dos consumidores negros e pardos, que representam 51% da população brasileira, cresceu 222% e já equivale a 40% do total da renda de todas as famílias (negras e não negras) do país.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário