R.B. 9/OUT/09 "Legado permanente"

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Legado permanente"

São Paulo, 9 de outubro de 2009 (SEXTA-FEIRA).
--------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA deve cair, testando o agora ''suporte'' dos 63.000pts e realizando lucros após atingir o maior patamar desde o final do primeiro semestre de 2008, porem deve-se ressaltar que a tendência ainda é de alta, já que diante das boas perspectivas para a economia brasileira o capital estrangeiro continua entrando no país com muita força.
- O DÓLAR pode subir, se aproximando dos R$ 1,75 em um ''ajuste técnico'' após fechar no menor patamar desde 8/SET/08, porem deve-se ressaltar que a tendência permanece de queda, também diante da expectativa de entrada cada dia maior de investimentos estrangeiros no país.

ONTEM
- BOVESPA 1,8%, já abriu em alta e, acompanhando a melhora do ''humor'' nas demais bolsas mundiais, foi ampliando os ganhos ao longo de todo pregão, com ótimo volume de negócios (R$ 7,7bi), para fechar no maior patamar final do primeiro semestre de 2008 (aos 63.759pts), diante das boas perspectivas para a economia brasileira.
- DÓLAR -1,0% à R$ 1,74, já abriu em queda e, mesmo com os leilões de compra do BC, manteve a trajetória descendente ao longo de todo pregão, para fechar no menor patamar desde 8/SET/08, seguindo o ''humor positivo'' das bolsas mundiais e influenciado pelo forte recuo do risco-Brasil (-5,1%).
- Na ÁSIA, JAPÃO 0,3%, sustentada pelos ganhos em companhias de transporte marítimo que receberam aumento de recomendação por parte de uma corretora, CHINA permaneceu fechada devido a feriado local e CORÉIA 1,1%, com destaques de alta para as ações de montadoras, de fabricantes de baterias recarregáveis e de empresas de tecnologia.
- Na EUROPA, seguindo o desempenho positivo das bolsas de NY e beneficiadas pela decisão do BC Europeu de manter a taxa básica de juros para os países da zona do euro em 1% ao ano, com o objetivo de estimular a recuperação econômica da região, INGLATERRA 0,9%, FRANÇA 1,3% e ALEMANHA 1,3%, com destaques de alta para as ações de mineradoras, como Anglo American (4,0%), Randgold Resources (2,1%) e ArcelorMittal (4,2%), após a Alcoa dar início a temporada norte-americana de balanços do terceiro trimestre nos EUA com um inesperado lucro.
- Nos EUA, ''deixando a crise cada vez mais para traz'', S&P 0,7%, DJ 0,6% e NASDAQ 0,6%, já que (1) os surpreendentes resultados trimestrais da Alcoa sugeriram que o início da temporada de balanços do terceiro trimestre deve ser forte, (2) as varejistas do país anunciaram fortes números de vendas e (3) o Departamento de Trabalho informou que o número de trabalhadores que deu entrada em novos pedidos de auxílio-desemprego caiu na semana passada ao menor nível em 9 meses.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

Surpreendentemente tentado conter o otimismo cada dia maior com a economia brasileira, Mantega, ministro da Fazenda, ''avisou'' que o PIB brasileiro pode crescer até 2,2% no terceiro trimestre deste ano em relação ao trimestre imediatamente anterior, porem ponderou que em 2010 o Brasil não crescerá acima de 5%, como já prevêem alguns analistas, ressaltando também que, se a inflação continuar controlada, não haverá necessidade de elevação da taxa básica de juros no próximo ano.

Confirmando o que qualquer profissional do mercado financeiro brasileiro está ''cansado de saber'', segundo um relatório elaborado pelo Fórum Econômico Mundial o sistema de supervisão bancária e financeira adotado no Brasil é o mais eficaz do mundo.

Dando novos sinais de recuperação da economia interna, (1) em AGO/09 o nível de emprego do setor industrial, apresentando o segundo mês consecutivo de crescimento, foi 0,3% maior que em JUL/09, (2) em AGO/09 o comércio varejista da região metropolitana de SP teve alta de 3,3% no faturamento na comparação com o mesmo mês no ano passado e (3) em SET/09 as vendas no varejo de material de construção cresceram 4% na comparação com SET/08.

Atingindo mais um recorde histórico, até a ultima quarta-feira as reservas internacionais brasileiras, ''turbinadas'' pelas compras do BC para segurar a cotação do dólar, estavam em US$ 226,6bi.

Mostrando que a inflação permanece controlada, (1) o IPCA de SET/09 ficou em 0,24%, acumulando uma alta de 4,34% nos últimos 12 meses, patamar abaixo da meta anual do BC (4,5%) e (2) o IPC apontou inflação de 0,12% na primeira quadrissemana de OUT/09, exatamente a metade do valor apurado no mesmo período de SET/09 (0,24%).
--------------------------------------------------------------------------------
Política:

Defendendo o MST, Guilherme Cassel, ministro do Desenvolvimento Agrário, afirmou que se pode até apoiar uma CPI geral da agricultura, incluindo recursos para a CNA, mas ressaltou que considera uma perseguição política uma CPI focada contra um movimento social, o que ele acredita ser o anárquico, criminoso e terrorista MST.

Com o objetivo de deixar um ''legado permanente'', Lula deu início a debate interno para tentar transformar em leis os programas sociais, como o Bolsa Família, desenvolvidos sob sua gestão desde 2003.

Como entregou seu cargo para salvar a ''cabeça'' de Sarney, o ex-diretor-geral do Senado Agaciel Maia, já avisado de que a comissão encarregada de investigar os atos secretos no Senado vai pedir a sua demissão, espera agora a intervenção do presidente da Casa.

Atrapalhando os esforços de Lula para lançar Ciro Gomes na disputa pelo governo de SP, o senador petista Eduardo Suplicy usou ontem a tribuna do Senado para anunciar que pôs seu nome à disposição do partido para disputar a sucessão paulista em 2010.
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

Sem nenhuma ''vergonha na cara'', depois de obterem um aumento de 9% em seus vencimentos, os presidentes de tribunais superiores, reunidos anteontem a portas fechadas, decidiram propor ao Congresso um aumento de 80% nos salários dos servidores do Judiciário.

O Brasil está com recorde em suas reservas internacionais, aumentou os investimentos no PAC, ampliou os programas sociais e sua economia é uma das primeiras a sair da crise, porem, como o governo não tem ''medo'' dos contribuintes, o governo federal começou a atrasar o pagamento das restituições do Imposto de Renda das pessoas físicas, em sua grande maioria trabalhadores da classe média, para compensar parte da queda de arrecadação de tributos neste ano.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário