R.B. 20/OUT/09 ''Calando a boca''

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Calando a boca"

São Paulo, 20 de outubro de 2009 (TERÇA-FEIRA).
--------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA deve cair, ainda com ''boas chances'' de ''testar'' o suporte dos 65.000pts, realizando lucros após avançar 79,1% no ano, influenciada pela confirmação de taxação de capital esterno especulativo, cuja alíquota (2%) ficou bem acima do esperado.
- O DÓLAR pode seguir em alta, provavelmente ''testando'' os R$ 1,75 ainda esta semana, também influenciado pela confirmação de taxação do capital externo especulativo, porem deve-se ressaltar que a tendência ainda é de queda, já que as commodities continuam subindo e a moeda norte-americana segue se enfraquecendo globalmente.

ONTEM
- BOVESPA 1,6%, já abriu em alta e, acompanhando o desempenho positivo das bolsas de NY, manteve a trajetória ascendente ao longo de todo pregão, para fechar no maior patamar do ano (aos 67.239pts) e com ótimo volume de negócio (R$ 10,5bi), inflado pelo vencimento de opções (R$ 3,9bi).
- DÓLAR 0,3% à R$ 1,71, já abriu em alta e, influenciado pelos ''rumores'', confirmados após o fechamento do pregão, de taxação do capital externo especulativo, manteve a trajetória ascendente ao longo de todo dia, também influenciado pelos leilões de compra do BC e pela elevação do risco-Brasil (1,4%).
- Na ÁSIA, sem uma tendência única, JAPÃO -0,2%, pressionada pelas ações da Fast Retailing (-3,7%), após ter sua ''nota'' reduzida pela corretora do JPMorgan, CHINA 2,1%, diante das ''apostas'' de que o governo local anunciará fortes dados econômicos do terceiro trimestre no final desta semana e CORÉIA 0,5%, revertendo uma abertura negativa, com as exportadoras, como Samsung (0,7%), LG (3,6%) e Hyundai (1,1%), beneficiadas pela desvalorização da moeda local (o won) frente ao dólar.
- Na EUROPA, seguindo a abertura positiva das bolsas de NY para fecharem nos maiores patamares em cerca de 12 meses, INGLATERRA 1,8%, FRANÇA 1,7% e ALEMANHA 1,9%, com destaque positivo para a gigante automotiva alemã Daimler (7,1%), que divulgou dados preliminares acima do esperado para o lucro e fluxo de caixa do terceiro trimestre.
- Nos EUA, nos maiores patamares do ano, S&P 0,9%, DJ 1,0% e NASDAQ 0,9%, beneficiadas pelas expectativas otimistas para os resultados que grandes empresas devem anunciar nos próximos dias.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

Conforme já se esperava, com o objetivo principal de segurar a cotação do dólar, ontem Mantega, ministro da Fazenda, anunciou a taxação, por uma alíquota de 2% de IOF, do capital estrangeiro que entrar no país para aplicações em renda fixa e Bolsa de Valores, ressaltando e ''garantindo'' que o investimento direto não será taxado.

Após afirmar que o efeito do aumento do aumento do IOF é nulo no médio e longo prazo, Nicolás Eyzaguirre, diretor do Departamento de Hemisfério Ocidental do FMI, alertou que esta decisão do Brasil de taxar aplicações financeiras internacionais em 2% não pode servir como um pretexto para que o governo adie reformas fiscais e estruturais fundamentais.

Incentivando o setor da construção civil, que aliás é o que mais emprega no Brasil, em SET/09 o volume de empréstimos imobiliários com recursos da caderneta de poupança alcançou R$ 3,6bi, o que representa um aumento de 4,7% na comparação com SET/08 e um recorde na história do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo.

Amanhã começa a reunião do Copom e, com 99,9% do ''mercado apostando'' na manutenção da Selic em 8,75%, no boletim Focus, preparado pelo BC, a média dos economistas ajustou para cima suas projeções para a taxa básica de juros de 2010, de 10,25% para 10,50%, e também elevou suas projeções para o crescimento do PIB deste ano, de 0,10% para 0,12%.

- Com um saldo positivo de US$ 22,6bi até o final da semana passada, a balança comercial brasileira acumulava um superávit 9,9% maior que no mesmo período de 2009.

- A Vale subiu 3,1%, já que ontem, ''calando a boca'' de Lula, que pressiona pela saída do presidente da empresa, a mineradora anunciou que em 2010 aumentará em 12% seu quadro de funcionários e investirá R$ 22bi em projetos no Brasil.
- A Petrobrás subiu 2,6%, beneficiada pela alta do petróleo e pelo anuncio de que sua produção no mercado interno subiu 1,2% em SET/09 comparado ao mês anterior, ultrapassando pela primeira vez na história a marca dos 2 milhões de barris diários.
-------------------------------------------------------------------------------
Política:

Em uma decisão que ainda cabe recurso, o juiz Aloísio Sérgio Rezende Silveira, da 1ª Zona Eleitora, cassou os mandatos de 13 dos 55 vereadores de SP, sendo que 6 são do PSDB e 4 do DEM, por recebimento de doações ilegais da Associação Imobiliária Brasileira na campanha eleitoral de 2008.

Fortalecido pelas recentes declarações de apoio do DEM, que por sua vez está ''incomodado'' com a aproximação entre Serra e Quércia, Aécio, governador de MG, está em SP decidido a dar um ultimato ao PSDB, oficializando sua disposição de concorrer à Presidência e ressaltando que, se os tucanos empurrarem a decisão sobre seu candidato para depois de FEV/09, vai se lançar candidato ao Senado em Minas.

Em campanha, com dinheiro publico, pela candidatura de Dilma, ontem Lula começou mais uma semana com agenda fora do gabinete em Brasília e, em 292 dias deste ano, incluindo sábados e domingos, o presidente petista ficou 136 longe da capital Federal, o que corresponde a 46% de seu tempo.

Se tudo ocorrer como combinado o PMDB espera que hoje à noite, em um jantar na Granja do Torto, Lula convide o partido para integrar a chapa presidencial encabeçada por Dilma indicando o nome para vice, que segundo as expectativas será Michel Temer, atual presidente da Câmara.
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

Mostrando que cada um tem o seu lugar na sociedade, apesar de reclamarem das diferenças salariais e do machismo, as mulheres, segundo uma pesquisa do The Boston Consulting Group) feita com 12 mil pessoas de 22 países, já controlam 70% do consumo mundial e nos próximos 5 anos esta proporção deve aumentar ainda mais.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário