R.B. 4/SET/09 ''Um sonho de paulistas e cariocas''

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Um sonho de paulistas e cariocas"

São Paulo, 4 de setembro de 2009 (SEXTA-FEIRA).
--------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA deve voltar a subir, dando seqüência a recuperação iniciada no pregão anterior, impulsionada pelos sinais de recuperação das economias mundiais e ''apostando'' que a Moody's elevará o Brasil para grau de investimentos até o final de SET/09.
- O DÓLAR pode seguir em queda, com ''boas chances'' de fechar a semana abaixo dos R$ 1,85, seguindo os mesmos motivos que devem levar à valorização da Bovespa e ainda influenciado pelo fluxo positivo de recursos externos.

ONTEM
- BOVESPA 0,6%, já abriu em alta e, seguindo o desempenho positivo das Bolsas internacionais, manteve-se no território positivo ao longo de todo pregão, também beneficiada pela valorização das commodities e pelos sinais de recuperação da economia interna.
- DÓLAR -1,0% à R$ 1,86, já abriu em queda e, também seguindo a melhora do ''humor'' nas bolsas mundiais, manteve a trajetória descendente ao longo de todo pregão, influenciado pelo forte recuo do risco-Brasil (-9,1%).
- Na ÁSIA, novamente sem uma tendência única, JAPÃO -0,6%, com destaques de queda para as exportadoras, como TDK (-2,&5) e Honda (-2,4%), diante da valorização da moeda local (o iene) frente ao dólar, CHINA 4,8% com destaques de alta para ações de empresas do setor imobiliário, diante da contínua presença de investidores em busca de ofertas de ocasião e CORÉIA 0,2%, em um ''cabo-de-guerra'' entre as realizações de lucros nas ações tecnológicas e os ralis nas ações de bancos.
- Na EUROPA, mesmo após BC Europeu manter a taxa básica de juros em 1% e Trichet, seu presidente, afirmar que ainda não é hora de adotar estratégias de saída para as medidas de estímulo, INGLATERRA -0,4%, FRANÇA -0,6% e ALEMANHA -0,3%, em um movimento de cautela antes da divulgação relatório do governo dos EUA sobre o nível de emprego do país.
- Nos EUA, quebrando uma seqüência de 4 dias consecutivos de queda, S&P 0,8%, DJ 0,7% e NASDAQ 0,8%, com destaques de alta para ações dos segmentos financeiro e varejista, ''animadas'' com a divulgação de dados do varejo muito melhores que o esperado.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

''Apostando no Brasil'', mais do que muitos brasileiros, Robert S. Gay, ex-economista do Fed (''BC'' dos EUA), ''avisou'' que nos próximos 10 anos o Brasil, beneficiado pela força de seu mercado interno, terá um crescimento médio de 5% ao ano, enquanto a China crescerá cerca de 6% ao ano.

Aumentando a lista daqueles que acreditam que ''o pior já passou'', a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico ''avisou'' que, com os fluxos de comércio global se recuperando, a economia global está emergindo de sua pior depressão desde a Segunda Guerra Mundial mais rapidamente do que a entidade havia previsto há 3 meses.

Dando 3 novos sinais de recuperação da economia interna, (1) em JUL/09 a produção industrial brasileira cresceu 2,2% na comparação com JUL/08, (2) em AGO/09 as vendas do varejo brasileiro cresceram 6,3% na comparação com AGO/08, o que representa o melhor desempenho do ano nesta base de comparação e (3) em JUL/09 o saldo das carteiras de crédito direto ao consumidor e leasing destinadas ao financiamento de veículos para pessoas físicas apresentou um crescimento de 12,3% em relação a JUL/08.

Como conseqüência de uma ''nova era'' para as taxas de juros brasileiras, que atualmente se encontram no menor patamar da história, a rentabilidade da renda fixa tem diminuído e, por isso, a estratégia para os investidores de longo prazo, e principalmente para aqueles que querem uma aposentadoria melhor, deve incluir a alocação de recursos em ações.

''Lutando sem medo'' pelo seus direitos, o Brasil, com cada dia mais ''moral internacional'', está trabalhando em uma lista de produtos dos EUA que podem sofrer retaliação após a determinação da Organização Mundial do Comércio na semana passada, o que certamente ajudará no fortalecimento das posições brasileiras durante a reunião da Rodada de Doha que acontece na próxima semana.
--------------------------------------------------------------------------------
Política:

Apesar de voltar a afirmar que quer as prévias tucanas mas está ''preparado'' para apoiar Serra, Aécio, governador de MG, ressaltou que é pré-candidato do PSDB à presidência, que espera que o candidato não seja definido apenas pela cúpula do partido e, negando enfaticamente a possibilidade de haver uma chapa "puro-sangue", se disse "cansado do radicalismo" entre PT e PSDB.

Convencido por seu partido, o PT, de que não poderia ceder às pressões do PMDB e da oposição, Lula decidiu manter sua posição quanto à urgência constitucional dos projetos que tratam da exploração do petróleo na camada do pré-sal.

Com o apoio da primeira dama, que não beija a mão do Papa e é uma protestante fervorosa, ontem o casal Hernandes, da Igreja Renascer, foi ao Centro Cultural Banco do Brasil, sede provisória da Presidência da República, para participar da sanção do projeto de lei que institui o Dia da Marcha para Jesus, que será celebrado 60 dias após o domingo de Páscoa.

Como ''estrela principal'' do programa gratuito do PSB no horário nobre da TV, Ciro Gomes elogiou o governo Lula, porem, seguindo na mesma linha que Aécio, ressaltou que é preciso ir muito além do que já foi feito.
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

Tomando uma decisão ''corajosa e inteligente'', Sheikh Hasina, primeira-ministra de Bangladesh, ordenou a funcionários do governo do sexo masculino que deixem de usar ternos, jaquetas e gravatas para economizar eletricidade no uso de ar-condicionado, já que o país enfrenta cortes diários de energia e suas usinas não são capazes de atender à demanda.

Finalmente tirando do papel ''um sonho de paulistas e cariocas'', está confirmado por fontes oficiais que em JUN/10 será o início das obras do trem-bala que, até o final de 2015, ligará as 2 maiores e mais importantes cidades do Brasil.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário