R.B. 5/FEV/20 "Está bastante aquecido o mercado bursátil tupiniquim"



"Está bastante aquecido o mercado bursátil tupiniquim"

São Paulo, 5 de fevereiro de 2020 (QUARTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve voltar a subir, para fechar em território positivo pelo terceiro pregão consecutivo, influenciada pela gradativa redução dos temores com o coronavírus, à espera da redução da taxa básica de juros tupiniquim e impulsionada pela divulgação de bons resultados corporativos e (2) o DÓLAR pode cair, devolvendo uma pequena parte da forte alta acumulada no ano (5,9%), seguindo a esperada manutenção do “humor positivo” na bolsa brasileira e aliviado pela expectativa de aumento do fluxo positivo de recursos externos por conta da bilionária venda de ações da Petrobras pelo BNDES.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 0,8%, para recuperar o patamar dos 115.000pts e fechar o dia aos 115.557pts, seguindo a melhora do “humor” nas principais bolsas mundiais e beneficiada pela valorização das commodities, em um pregão com bom volume de negócios (R$ 23,1bi) e (2) o DÓLAR subiu 0,2% à R$ 4,25, revertendo uma abertura negativa e descolado de outras moedas emergentes, diante da consolidação das “apostas’ de corte de juros pelo BC tupiniquim na reunião de política monetária que termina hoje, o que torna o país cada vez menos atrativo para investidores estrangeiros.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão 0,5% e China 1,3%, se recuperando parcialmente do tombo do pregão anterior, já que o BC chinês continuou fornecendo ampla liquidez ao sistema financeiro, numa tentativa de aliviar o impacto da epidemia de coronavírus, (2) da EUROPA, Inglaterra 1,6%, França 1,8% e Alemanha 1,8%, seguindo a melhora do “humor” nas bolsas asiáticas, impulsionadas pela valorização das commodities e beneficiadas pela percepção de que o surto de coronavírus terá impactos limitados sobre a economia global e (3) dos EUA, com a NASDAQ batendo mais um recorde histórico de alta, S&P 1,5%, DJ 1,4% e NASDAQ 2,1%, impulsionadas pela divulgação de bons resultados corporativos, como o da Amazon (2,3%), e pelo aumento da aprovação do governo Trump, que atingiu o maior patamar desde que o republicano assumiu a presidência do país.

“Apostando” que as medidas drásticas adotadas pelas autoridades chinesas estão funcionando muito bem, os analistas do alemão Danske Bank afirmaram ontem que há "sinais crescentes" de que a disseminação do coronavírus tem diminuído.

Hoje, após o fechamento do pregão, termina a reunião do Copom e, com a inflação controlada e a economia ainda precisando de estímulos, cerca de 90% do “mercado aposta” que a taxa básica de juros cairá dos atuais 4,50% para uma nova mínima histórica de 4,25% ao ano.

Confirmando que a economia tupiniquim segue necessitando de estímulos, em DEZ/19 a produção industrial brasileira recuou -1,2% na comparação com DEZ/18 e em JAN/20 as vendas de veículos caíram -3,1% na comparação com JAN/19.

Confirmando que “está bastante aquecido o mercado bursátil tupiniquim”, os 2 IPOs já realizados este ano na B3, da construtora Mitre e da Locaweb, saíram com o preço no topo das expectativas e, segundo “rumores”, a oferta secundária da Petrobrás, cujo prazo para pedidos terminou ontem, teve uma demanda muito superior ao esperado.

Ressaltando que existe muita demanda reprimida e que durante 5 anos as pessoas deixaram de comprar imóveis, Basílio Jafet, presidente do Secovi-SP, afirmou que o IPO da construtora Mitre é o começo de uma nova leva de empresas do setor abrindo capital e que as próximas empresas a entrar na bolsa devem ser a Kallas, a Cury e a Moura Dubeux.

Fazendo um importante alerta, Roberto Rodrigues, coordenador do Centro de Agronegócio da FGV e ex-ministro da Agricultura, afirmou que o Brasil tem uma agricultura “sustentabilíssima” e lamentou que há muita gente com a “cabeça feita” que prefere ouvir a ativista Greta e não a ciência.

-    O eBay subiu 8,8% na bolsa de NY, após o Wall Street Journal noticiar que a Intercontinental Exchange tem interesse em adquiri-lo.
-    A Tesla disparou 13,7% na bolsa de NT, após a Ballie Gifford & Co, segunda maior acionista da empresa, ter anunciado aumento na participação da companhia.

Política:

Com potencial para afugentar ainda mais os investidores da bolsa tupiniquim e os milionários do Brasil, o senador socialista Randolfe Rodrigues, da Rede do Amapá, quer bancar a ampliação de benefícios no Bolsa Família e no BPC cobrando de Imposto de Renda sobre a distribuição de lucros e dividendos.

Certamente ajudando a aumentar a popularidade do herói nacional, a organização criminosa petista criou uma marchinha de Carnaval que, comemorando a soltura de Lula, chama Sergio Moro de bandido.

Zombando da lei, Lula, ex-presidiário e líder máximo da organização criminosa petista, pediu o adiamento do seu depoimento no âmbito da operação Zelotes para se reunir com o Papa Francisco no Vaticano.

Usando e abusando das mordomias que tem, logo no primeiro dia de trabalho do legislativo, Davi Alcolumbre, presidente do Senado, pegou ontem um avião da Força Aérea Brasileira e se mandou para a sua cidade natal, Macapá, para comemorar os 262 anos de sua fundação.

Mostrando a enorme falta de caráter da nefasta esquerda tupiniquim, Petra Costa, diretora do filme de ficção, tratado como documentário, “Democracia em Vertigem”, afirmou, em entrevista para a CNN norte-americana, que Bolsonaro prometeu matar bandidos e gays, que os evangélicos perseguem negros, que o governo transformará a Amazônia e savana e que a violência disparou no Brasil.

Complicando a vida do filho pilantra do presidente tupiniquim, ontem, por 2 votos a 1, o Tribunal de Justiça do RJ manteve a quebra de sigilos bancário e fiscal de Flávio Bolsonaro, que ao que tudo indica recebeu parte dos salários de ex-funcionários de seu antigo gabinete na Alerj, por meio do laranja Fabrício Queiroz.

Cerca de 2 semanas após a revelação do escândalo das candidaturas de laranjas, o PSL nacional usou R$ 340mil da verba que recebeu dos cofres públicos para contratar uma advogada exclusivamente para o diretório de MG, um dos focos do caso.

Crítica:

Com os bancos tupiniquins, abusando da falta de concorrência e da ignorância financeira do brasileiro, em 2019 o volume de empréstimos consignados para aposentados, que cobra juros estratosféricos de cerca de 22,0% ao ano, cresceu 11,0% na comparação com 2018.

PAZ, amor e bons negócios;

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: rb@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário