R.B. 18/DEZ/19 "2020 deve ser um ano de touro de ouro para a bolsa tupiniquim"



"2020 deve ser um ano de touro de ouro para a bolsa tupiniquim"

São Paulo, 18 de dezembro de 2019 (QUARTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve subir, ampliando os ganhos acumulados no mês (4,1%) e no ano (28,1%), acompanhando a melhora do "humor" nas principais bolsas mundiais, beneficiada pelo baixo patamar da taxa básica de juros e impulsionada pelos sinais de aquecimento da economia tupiniquim e (2) o DÓLAR pode cair, com "boas chances" de fechar o ano mais próximo dos R$ 4,00, influenciado pelas expectativas de aumento do fluxo positivo de recursos externos oriundos de exportações, captações e investimentos.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 0,6%, recuperando as perdas da abertura, para fechar em um novo recorde histórico de alta (aos 112.616pts), acompanhando o movimento ascendente das bolsas de NY e impulsionada pelo bom desempenho das ações de bancos, com Itaú (1,5%) e Bradesco (1,8%) e (2) o DÓLAR subiu 0,1% à R$ 4,06, seguindo a trajetória internacional da moeda norte-americana e em um "ajuste técnico" após a forte baixa do pregão anterior.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão 0,5%, no maior nível desde OUT/18 e China 1,3%, seguindo o tom positivo de Wall Street no dia anterior, após Trump, presidente dos EUA e CPT do mundo, afirmar que o acordo sino-americano de "fase 1" está pronto, (2) da EUROPA, sem uma tendência única, Inglaterra 0,1%, França -0,4% e Alemanha -0,5%, divididas entre os "temores" de dificuldades no processo de saída do Reino Unido da União Europeia e o bom desempenho das ações de exportadoras britânicas, beneficiadas pela fraqueza da libra, que caiu ante o dólar e (3) dos EUA, batendo novos recordes históricos de alta, S&P 0,1%, DJ 0,1% e NASDAQ 0,1%, impulsionadas pela divulgação de dados acima do esperado sobre produção industrial e construção de moradias no pais.

Mostrando que o Brexit deve ser bom para a Inglaterra, a Capital Economics prevê que os mercados acionários dos países desenvolvidos avancem de modo mais lento em 2020, em comparação com 2019, ressaltando entretanto que o a bolsa de Londres deve avançar mais em 2020, com as ações recuperando parte da performance mais fraca desde o plebiscito que decidiu pela saída do Reino Unido da União Europeia.

No relatório da sua última reunião, quando decidiu cortar a taxa básica de juros de 5,0% para 4,5% ao ano, o Copom informa que projeta um crescimento "gradual" da economia brasileira no ano que vem e, falando em cautela na condução da política monetária, indica que o ciclo de queda da Selic pode ter acabado.

Mostrando, pela enésima vez, que não existe dinheiro fácil, os clientes, ou melhor os otários, que deram dinheiro para a corretora de criptomoedas Genbit, que na verdade é uma pirâmide que promete rendimentos impossíveis de 15% ao mês, estão acionando a empresa na Justiça após terem o saque de seus rendimentos bloqueados.

"Apostando cada vez mais alto no Brasil", o Citi Bank, que na semana passada afirmou que a "nota" do país pode ser elevada em 2020, divulgou ontem um relatório ressaltando que entre os mercados emergentes o Brasil é a melhor opção de investimentos no ano que vem.

Cara, ineficiente e monopolista, a bolsa tupiniquim, que quer ser chamada de B3, prometeu, pela enésima vez, reduzir as taxas impostas a corretoras e, dessa forma, atrair pessoas físicas ao mercado de capitais.

Indicando que, com a taxa básica de juros em 4,5% ao ano e com a economia dando sinais claros de recuperação, "2020 deve ser um ano de touro de ouro para a bolsa tupiniquim", bancos de investimento preveem que o volume de ofertas públicas na B3 no próximo ano alcance os R$ 120bi, superando em 33% o volume deste ano (R$ 90bi) e marcando novo recorde para o mercado de renda variável no Brasil.

Coberta de razão, Vanessa Canado, assessora especial do Ministério da Economia e secretária-executiva do grupo de reforma tributária, afirmou as medidas para aumentar a tributação dos mais ricos devem ser estudadas de forma a não haver uma fuga de recursos para fora do país, sugerindo que uma boa opção é um ajuste para a cobrança do imposto sobre heranças que estão no exterior.

Criando a 4ª maior montadora do mundo, com mãos de 400 mil funcionários e vendas anuais de 8,7 milhões de veículos, o grupo francês PSA (Peugeot Citroën) e a ítalo-americana FCA (Fiat Chrysler) anunciaram hoje um acordo de fusão.

Política:

Alegando como "justa causa" que são perseguidos por Luciano Bivar, o presidente da legenda, a ala bolsonarista da bancada do PSL, que tem 26 deputados, entrou com pedido de desfiliação partidária sem perda de mandato no TSE.

Atendendo de forma lacaia a um pedido da PGR, que se mostra bastante alinhada com os bandidos do Congresso Nacional, Edson Fachin, ministro do STF, decidiu arquivar mais um inquérito contra o nefasto senador Renan Calheiros, o nono já rejeitado dentro da Operação Lava Jato, desta vez por receber R$ 1,5 milhão da Odebrecht para apoiar uma medida provisória que renovou concessões de energia em 2015.

A proposta de emenda à Constituição que determina que o voto eletrônico seja impresso e depositado em outra urna avançou ontem na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados, já que foi aprovada por 33 votos a 5.

Após o brilhante deputado federal Marcel Van Hattem, do NOVO, propor a redução do fundo eleitoral de R$ 2,0bi para R$ 765mi, a nefasta deputada Gleisi Hoffmann, do PT, afirmou que o Partido Novo não tem qualificação para falar de moralidade, pois é financiado por milionários, e defendeu de maneira enfática o escabroso e imoral financiamento público das campanhas.

Coincidentemente depois de os parlamentares aprovarem um escabroso e imoral valor de R$ 2bi para o financiamento público de campanhas, foi divulgada uma pesquisa que indica que 45% dos eleitores reprovam o trabalho de deputados federais e senadores, 10% a mais do que na pesquisa anterior, do fim de AGO/19.

Pressionada pelos deputados do NOVO e do MBL e derrotada por uma decisão do Tribunal de Justiça de SP, a Assembleia Legislativa de SP anunciou ontem que anulará o ato que liberou R$ 10 milhões para o pagamento do bônus natalino de R$ 3.100 aos servidores da Casa.

Beneficiando sonegadores, ontem, a poucas horas da expiração do prazo de validade, o Senado aprovou a medida provisória que transfere o Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) do Ministério da Economia para o BC.

Contrariando a opinião do seu nefasto colega Toffoli, ontem Marco Aurélio Mello, também ministro do STF, afirmou eu a operação Lava Jato, que desvendou um esquema bilionário de corrupção envolvendo a Petrobrás, não destruiu empresas, e sim gerou confiança e representou um avanço para o País.

Mostrando que a Lava Jato não tem partido, 9 parentes de Ana Cristina Valle, ex-mulher do presidente Bolsonaro, foram alvos de busca e apreensão no andamento das investigações sobre a rachadinha no ex-gabinete de Flávio Bolsonaro, filho do presidente, na Alerj.

Crítica:

Em uma espécie de "AI-5 contra os juízes", que só deixa de fora os "deuses do STF", o Conselho Nacional de Justiça, presidido pelo nefasto Dias Toffoli, aprovou ontem uma resolução com normas de conduta para juízes em redes sociais que veda, entre outros pontos, a manifestação sobre processos pendentes de julgamento, críticas a decisões de outros magistrados e proíbe de emitir opinião que demonstre atuação em atividade político-partidária.

Enquanto crianças morrem nas filas dos hospitais e jovens saem das escolas sem saber ler e fazer contas, segundo um levantamento realizado pela Agência Pública 1.283 organizações religiosas devem, principalmente em despesas previdenciárias, R$ 460 milhões aos cofres públicos, com destaque para a Igreja Internacional da Graça de Deus, fundada pelo pilantra R. R. Soares, tem uma dívida de R$ 127mi.

PAZ, amor e bons negócios;

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: rb@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário