R.B. 29/OUT/19 "Como 99% dos brasileiros, ocupa um cargo acima de suas capacidades"



"Como 99% dos brasileiros, ocupa um cargo acima de suas capacidades"

São Paulo, 29 de outubro de 2019 (TERÇA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve seguir em alta, beneficiada pelos sinais positivos da economia tupiniquim e pelas "apostas" de novo corte da taxa básica de juros na reunião do Copom desta semana e (2) o DÓLAR pode cair, acompanhado a esperada manutenção do "humor" positivo da bolsa brasileira e cada dia mais influenciado pela expectativa de ingresso de dezenas de milhões de dólares com o leilão da cessão onerosa do pré-sal, programado para NOV/19.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 0,8%, para fechar o dia em um novo recorde histórico (aos 108.187pts), provando que os gringos finalmente já não acham mais que a capital do Brasil é Buenos Aires e impulsionada pelo movimento ascendente das demais bolsas mundiais e pelas perspectivas positivas para os resultados trimestrais das empresas tupiniquins e (2) o DÓLAR caiu -0,4% à R$ 3,99, para fechar o dia abaixo dos R$ 4,00 pela primeira vez desde 15/AGO/19, seguindo o desempenho internacional da moeda norte-americana, diante das perspectivas mais positivas sobre o confronto entre os gigantes do comércio global (China e EUA) somadas a uma trégua no conflito sobre o Brexit.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão 0,3% e China 0,8%, animadas com o avanço das negociações entre Pequim e Whashigton, (2) da EUROPA, Inglaterra 0,1%, França 0,2% e Alemanha 0,4%, beneficiadas pelo adiamento do Brexit até 31/JAN/ 20 e pela publicação de bons resultados corporativos e (3) dos EUA, com o S&P batendo mais um recorde histórico de alta, S&P 0,6%, DJ 0,5% e NASDAQ 1,0%, impulsionadas por menores preocupações com a guerra comercial e pelas "apostas" de novo corte da taxa básica de juros pelo FED ("Copom" local) na reunião desta semana.

Seguindo a lógica, diante da vitória da organização criminosa de Cristina Kirchner nas eleições presidenciais do país, ontem a Bolsa de Buenos Aires caiu -3,9%, com analistas e investidores aguardando notícias sobre a estratégia do próximo governo para renegociar a dívida com seus credores privados e com o FMI em um cenário de recessão econômica e inflação superando 50% ao ano.

Segundo a BlackRock, que é a maior gestora de ativos do mundo, as bolsas mundiais poderem avançar ainda mais, já que o atual momento do ciclo não parece o fim da expansão econômica ou dos ganhos de capital, que normalmente é marcado pelo aumento de preços de commodities, salários em rápido crescimento e alta de juros para evitar superaquecimento.

Reduzindo as tensões globais, crescem as "apostas" de que os presidentes dos EUA, Trump, e da China, Xi Jinping, assinem um acordo parcial durante reunião de cúpula da Cooperação Econômica Ásia-Pacífico, que ocorrerá em meados de NOV/19, no Chile.

Já dando como certo mais um corte de -0,5% na taxa básica de juros na reunião do Copom desta semana, o "mercado" elevou, de 0,88% para 0,91%, suas "apostas" para o crescimento do PIB brasileiro este ano e também aumentou, de 3,26% para 3,29%, suas projeções para a inflação medida pelo IPCA em 2019, patamar ainda bem distante do centro da meta do BC (4,25%).

Na próxima segunda-feira, tentando se desligar da crise partidária, o presidente Bolsonaro lançará, em evento de comemoração aos 300 dias de governo, um pacote de medidas econômicas cujo foco principal será o estímulo a geração de empregos no país.

Mostrando bastante otimismo, Candido Bracher, presidente do Itaú Unibanco, classificou como importantíssima a recente aprovação da reforma da Previdência, ressaltando que ela vai permitir o equilíbrio das contas públicas, mas alertou que a retomada do crescimento depende também de investimentos em educação, que impactam a produtividade da economia brasileira.

Dando novos sinais positivos da economia tupiniquim, (1) em OUT/19 a expectativa dos empresários para contratar subiu 17,6% n comparação com OUT/18 e (2) batendo um recorde histórico, de OUT/18 até SET/19 o número de alvarás concedidos em SP para empreendimentos com 4 ou mais andares foi 44,4% maior do que as emissões dos 12 meses precedentes a SET/18.

Comandado por Joesley e Wesley Batista, também conhecidos como "os irmãos picaretas", o Banco Original deu mandato a bancos para coordenarem uma captação de recursos no exterior, em sua primeira incursão internacional, no que pode ser uma prévia para testar o apetite de investidores para uma futura abertura de capital.

Política:

Mais uma vez provando que, "como 99% dos brasileiros, ocupa um cargo acima de suas capacidades", Bolsonaro publicou ontem em suas redes sociais um vídeo no qual se comparou a um leão acossado por hienas que representavam o STF, os partidos de oposição, a TV Globo, a Folha de SP, o PSL, a OAB e até o que ele classificou como "os isentões".

Dando sequência à uma idiota guerra autofágica que só fortalece a organização criminosa petista e suas linhas auxiliares, a ala do PSL que hoje se contrapõe ao presidente Bolsonaro quer atrair o general Carlos Alberto dos Santos Cruz para o partido e já pensa em lança-lo como candidato ao Senado em 2022.

Após visitar o príncipe Mohammed bin Salman, que mandou assassinar e retalhar o cadáver do repórter Jamal Khashoggi, Bolsonaro, sem nenhuma noção do ridículo, afirmou às jornalistas que todas as mulheres gostariam de passar uma tarde com um príncipe.

Oportunista, como manda seu DNA lobista, Doria, governador tucano de SP que sonha diuturnamente sem ser presidente do Brasil, convidou Gustavo Bebianno, ex-aliado de Bolsonaro, para se filiar ao PSDB.

Mais liso do que pau de sebo, Henrique Meirelles afirmou, em depoimento ao juiz federal Vallisney de Oliveira, da 10ª Vara Federal de Brasília, desconhecer completamente os detalhes envolvendo o pagamento de propina da Odebrecht ao PT para facilitar obras da empreiteira em Angola.

Pagando pau para bandido preso, Marta Suplicy enviou uma carta a Lula para agradecer a afirmação do referido líder da organização criminosa petista de que, se quiser, ela pode voltar ao PT.

Em vias de extinção, o PSOL, que sempre foi uma linha auxiliar e lacaia da organização criminosa petista, decidiu que, pela primeira vez em sua história, vai liberar os diretórios municipais para dialogar sobre 2022 com outras siglas.

Crítica:

Mostrando um alinhamento cada vez maior com o presidente Bolsonaro, ao marcar para o próximo dia 7/NOV/19 a continuidade do julgamento da prisão em segunda instância, Dias Toffoli, nefasto presidente do STF, tirou da pauta a retomada do julgamento que pode descriminalizar o porte de maconha para consumo pessoal.

PAZ, amor e bons negócios;

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: rb@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário