R.B. 10/SET/13 ‘’Democracia representativa na era digital’’


R.B.

"Democracia representativa na era digital"

 

São Paulo, 10 de setembro de 2013 (TERÇA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA deve seguir em alta, com ''boas chances'' de recuperar o patamar dos 55.000pts, acompanhando a melhora do ''humor'' nas demais bolsas mundiais e também influenciada positivamente pela redução dos ''temores'' de ataque militar dos EUA à Síria e pelo forte crescimento das vendas do varejo na China.

-    O DÓLAR pode seguir em queda, para fechar em território negativo pelo sétimo pregão consecutivo, acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana e também refletindo uma mudança na posição dos bancos, que passaram a apostar no recuo das cotações no mercado futuro.

 

ONTEM

-    BOVESPA 0,9%, abriu ''de lado'', para na mínima recuar –0,5%, porem passou a subir ainda na parte da manhã e fechou no maior patamar desde 29/MAI/13 (aos 54.251pts), beneficiada pela divulgação de dados melhores do que o esperado da balança comercial da China e acompanhando o desempenho positivo das bolsas dos EUA.

-    DÓLAR –0,8% à R$ 2,28, já abriu em queda e, também influenciado por dados positivos da balança comercial chinesa, manteve a trajetória descendente ao longo de todo pregão, para fechar o dia no menor patamar desde 9/AGO/13, adicionalmente pressionado pelos leilões de venda do BC.

-    Na ÁSIA, beneficiadas por boas noticias locais, JAPÃO 2,5%, ''comemorando'' a escolha de Tóquio como a sede dos jogos Olímpicos de 2020, CORÉIA 1,3%, acompanhando o ''bom humor'' das principais bolsas da região e CHINA 3,5%, influenciada positivamente pela divulgação de dados otimistas de comércio e inflação.

-    Na EUROPA, realizando uma pequena parte dos lucros recentes, INGLATERRA –0,1%, FRANÇA –0,2% e ALEMANHA –0,1%, acompanhando a abertura negativa das bolsas dos EUA e prejudicadas pelos ''temores'' de sobre um possível ataque militar dos EUA à Síria.

-    Nos EUA, revertendo uma abertura negativa, S&P 1,0%, DJ 0,9% e NASDAQ 1,3%, influenciadas positivamente pela divulgação de dados positivos da Ásia e pela diminuição dos temores sobre um ataque à Síria, após Obama, presidente norte-americano, afirmar que não atacará caso o referido país se Bashar al-Assad entregar suas armas químicas para serem destruídas pela comunidade internacional.


Economia:

 

Pela segunda semana consecutiva um pouco mais otimista, o ''mercado'' elevou, desta vez de 2,32% para 2,35%, suas ''apostas'' para o crescimento da economia brasileira este ano e reduziu, agora de 5,83% para 5,82%, suas estimativas para o IPCA de 2013.

 

Mostrando que a dinâmica do crescimento econômico mundial passou a se inclinar para outra direção, enquanto os economistas começam a reduzir suas previsões para a China e para outras economias emergentes, a economia norte-americana está se recuperando, o Japão, agora também estimulado pelas Olimpíadas de 2020 em Tóquio, parece ter dobrado a esquina e muitos países na zona do euro talvez estejam escapando das garras da recessão.

 

Precisando estimular a entrada de dólar no Brasil e já contando com o sucesso do primeiro leilão de rodovias, marcado para próxima semana, o governo Dilma definiu o calendário para leiloar os outros 7 trechos ainda neste ano.

 

Com o objetivo de estimular a competição e reduzir as pressões inflacionárias causadas pela alta do dólar, a Câmara de Comércio Exterior, órgão colegiado que reúne 7 ministros, confirmou que o governo Dilma não irá renovar o aumento temporário do imposto de importação concedido a 100 produtos no ano passado.

 

''De olho'' no forte e constante crescimento da produção de soja brasileira, a multinacional alemã Bayer anunciou que o Brasil é o principal mercado para sua divisão agrícola, ressaltando que o país já é uma potência agrícola com inovação e tecnologia de ponta.

 

Segundo Edison Lobão, ministro tupiniquim de Minas e Energia, está mantido para OUT/13 o leilão do pré-sal, apesar das recentes denúncias de que a Agência de Segurança Nacional dos EUA teria espionado documentos sigilosos e estratégicos da Petrobras.

 

-    Em AGO/13 o número de famílias endividadas na capital paulista caiu -4,4% na comparação com JUL/13 e –0,9% na comparação com AGO/12.

 

-    A Vale subiu 2,70%, após a China que é o principal consumidor do minério de ferro produzido pela mineradora brasileira, anunciar um forte crescimento de suas importações.

-    A Petrobrás subiu 2,3%, desdenhando as espionagens de Obama e ''comemorando'' o anuncio de que a empresa registrou uma produção recorde de gasolina e diesel no mês passado.

-    A OGX caiu -17,3%, já que Eike Batista está relutante em cumprir sua palavra de injetar até US$ 1bi na petroleira e mais uma agencia de classificação de risco, desta vez a Fitch, rebaixar a sua ''nota'' para a empresa ressaltando um risco de crédito "excepcionalmente alto".

-    A HRTP caiu –2,5%, após anunciar que o seu poço Moosehead-1, terceiro offshore da Namíbia, foi considerado seco.


Política:

 

''Ajudando os caloteiros'', ontem à noite a Câmara dos Deputados aprovou uma medida provisória que reabre o prazo para a adesão ao "Refis da Crise", que é o programa de parcelamento de dívidas fiscais com a União que vale para para pessoas físicas e jurídicas que tinham dívidas tributarias vencidas até 30/NOV/08.

 

Com dificuldades para aplicar recursos em infraestrutura nos 2 primeiros anos da sua atual gestão, o tucano Alckmin, governador de SP, corre contra o atraso e projeta turbinar os investimentos até 2014, ano em que tentará se reeleger ao cargo.

 

Preocupada os sinais de falta de apoio no Congresso emitidos por recentes decisões parlamentares como a derrubada do veto ao fim da multa adicional de 10% do FGTS para demissões sem justa causa, a presidenta Dilma retomou ontem sua sequência de reuniões com líderes aliados da Câmara e do Senado para tratar da pauta do mês nas referidas Casas.

 

Cumprindo uma promessa de campanha, ontem a presidenta Dilma sancionou, sem vetos, a lei que destina 100% dos royalties do petróleo para investimentos nas áreas da educação (75% do total) e saúde (25% do total), o que segundo projeções destinará R$ 112,2bi para os referidos setores até 2023.


Crítica:

 

No Brasil os instrumentos constitucionais de democracia participativa existentes, que ainda são apenas as eleições, os plebiscitos e os referendos, têm se tornado obsoletos frente a velocidade da troca e criação de conhecimento na era digital, já na Islândia, iniciando a ''democracia representativa na era digital'' e mostrando que é possível aumentar os mecanismos de participação popular nas decisões políticas, em JUN/11 o país foi o primeiro do mundo usar as redes sociais na internet para elaborar a própria constituição.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br


Conheça e indique nosso Blog http://relatoriobrasil.blogspot.com

Conheça e indique minha página no Facebook http://facebook.com/Alfredosequeirafilho


Nenhum comentário:

Postar um comentário