R.B. 12/MAR/10 ''Fogueira de vaidades''

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Fogueira de vaidades"

São Paulo, 12 de março de 2010 (SEXTA-FEIRA).
--------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA deve subir, acompanhando o movimento das demais bolsas mundiais e também impulsionada pelo vencimento de opções, provavelmente bem ''gordo'', na próxima segunda-feira, para fechar a semana acima dos 70.000pts.
- O DÓLAR pode voltar a cair, acompanhando a melhora do ''humor'' na Bovespa e também influenciado pelo ''crescente e constante'' fluxo positivo de recursos externos oriundos de exportações, captações e ''investimentos''.

ONTEM
- BOVESPA -0,1%, já abriu em queda e, após um pregão com alguma volatilidade (mínima de -0,8% e máxima de 0,3%), fechou em leve queda realizando lucros recentes e ''temendo'' que a China volte a adotar medidas restritivas à economia.
- DÓLAR -0,2% à R$ 1,77, já abriu em queda e, mesmo com os momentos de baixa da Bovespa e com os leilões de compra do BC, manteve a trajetória descendente ao longo de ''quase'' todo pregão, para fechar no menor patamar desde 18/JAN/10, diante do aumento do fluxo positivo de recursos externos.
- Na ÁSIA, JAPÃO 1,0%, com destaques positivos para exportadoras, como Sony (1,9%) e Kyocera (1,2%), diante da desvalorização da moeda loca (o iene) frente ao dólar, CHINA 0,1%, apesar do aumento da taxa de inflação ter renovado as preocupações com novas medidas de aperto monetário e CORÉIA -0,3%, pressionada pelas ações das montadoras Hyundai Motor (-2,2%) e Kia Motors (-1,8%).
- Na EUROPA, realizando lucros após atingirem os maiores patamares desde 19/JAN/10, INGLATERRA -0,4%, FRANÇA -0,4% e ALEMANHA -0,1%, pressionadas principalmente pelas ações das mineradoras como BHP Billiton (-2,1%), Rio Tinto (-1,6%), Anglo American (-1,2%) e Kazakhmys (-3,2%), diante da preocupação de que o governo chinês poderá apertar a política fiscal ainda mais.
- Nos EUA, revertendo uma abertura negativa, S&P 0,4% (no maior patamar em 17 meses), DJ 0,4% e NASDAQ 0,4%, impulsionadas por um rali nos papéis de bancos no fim do pregão, diante das ''apostas'' de que as novas regras para o setor estudadas pelo Congresso possam ser deixadas de lado.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

Em 2009, diante da crise financeira internacional, PIB do Brasil, conforme já esperado, recuou -0,2%, o que representa o pior desempenho desde 1992, porem no ultimo trimestre do ano passado o PIB teve avanço de 2,0% em relação aos 3 meses imediatamente anteriores, o que representa a maior alta desde o quarto trimestre de 2007 e confirma a franca recuperação da economia brasileira.

''Comemorando'' o recuo de -0,2% do PIB brasileiro em 2009, (1) Meirelles, presidente do BC, afirmou que a economia brasileira entrou em fase de expansão vigorosa, ressaltando o desempenho da indústria e a expansão do investimento registrados no quarto trimestre do ano passado e (2) Mantega, ministro da fazenda, destacou que no ano passado o desempenho do Brasil foi um dos melhores do G20 e ''avisou'' que em 2010 o crescimento será acima dos 5,7%.

Após ''alertar'' que aumentar a taxa básica de juros neste momento seria uma irresponsabilidade, ressaltando que os investimentos na indústria estão muito elevados e a produção ainda está -5,0% abaixo dos níveis de SET/08, a Fiesp, ao comentar os dados do PIB de 2009, afirmou que, à luz das expectativas do início do ano passado, o resultado até que foi bom e os dados atuais mostram definitivamente que ''a crise ficou para trás''.

Dando mais um sinal de recuperação da economia interna, (1) em JAN/10 as vendas do setor varejista cresceram 2,7% na comparação com DEZ/09 e 10,4% na comparação com JAN/09, (2) em FEV/10 as companhias aéreas brasileiras registraram um aumento de 42,89% no movimento de passageiros nos vôos domésticos na comparação com FEV/09 e (3) com a criação de 23 mil postos de trabalho, em FEV/10 o nível de emprego na indústria paulista subiu 1,07% na comparação com JAN/10.
--------------------------------------------------------------------------------
Política:

Colocando mais lenha na ''fogueira de vaidades'' do PSDB, Ciro Gomes, que detesta Serra e adora Aécio, afirmou, durante um almoço com empresários de BH, que Minas está sendo "violentada" pelo fato de seu governador ter sido sumariamente preterido na disputa com o ''colega'' paulista.

Cada dia mais ''paranóico'', Lula afirmou, após inaugurar, obviamente ao lado de Dilma, uma refinaria que já funcionava, que os editoriais dos jornais refletem opiniões de "falsos democratas", que se consideram "a única voz pensante do mundo".

Colocando mais um democrata em sua mira, o Supremo Tribunal Federal investiga desde o mês passado o senador Efraim Morais por desvio de recursos públicos e fraudes em licitações, já que o mesmo repassou dinheiro do Senado a empresas de comunicação da Paraíba em troca de notícias favoráveis a ele, inclusive sobre sua vida social, no Estado que representa.
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

Mostrando que não entende nada da psicologia chinesa, que assim como os norte-americanos só se preocupam com seus próprios interesses, Obama, presidente dos EUA, afirmou que o mundo vai se beneficiar se a China adotar um sistema de câmbio mais baseado no mercado, esquecendo-se porem de informar o que o chinês ganharia com isto.

Como tinha que fazer campanha para Dilma, inaugurando inclusive uma obra que já está acabada desde 18/OUT/09, Lula não foi à posse Sebastián Piñera, o empresário assumidamente de direita que desbancou 20 anos de governos de esquerda no Chile e se elegeu presidente da República.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário